Elysium Fields

O Elysium Fields foi fundado em Fevereiro de 2018, com o intuito de ser um jogo entre amigos, mas cresceu para se tornar não um único jogo RPG, mas vários. Desta forma, pode encontrar um jogo para jogar, ou narrar o seu próprio jogo, com as suas regras. A maioria dos nossos jogos são guiados por um narrador, que começa a história, desenvolve, e dá um fim à mesma. Os jogadores são os seus personagens principais.
Joo Ri
Hae Shin
Ji Yeon

Moderação

Últimos assuntos
» DISTRIBUIÇÃO E GASTO DE XP
por Ong Joo Heon Hoje à(s) 12:48 am

» 02. Clap Your Hands
por SKIE RPG Hoje à(s) 12:32 am

» 02. Don't Mess Up My Tempo
por SKIE RPG Ontem à(s) 11:26 pm

» Nari e Suwon: 03. Gossip
por Gong Suwon Ontem à(s) 11:23 pm

» Capítulo 2 - Noivado
por Yoo Hee Sun Ontem à(s) 8:39 pm

» Capítulo 2 - A família real
por Joseon RPG Ontem à(s) 8:08 pm

» PLANTÃO SN: Salto temporal, desafio da Nari e muito mais...
por Nam Gyuri Ontem à(s) 7:40 pm

» Mortal Genesis
por Kwon Soo Jin Ontem à(s) 6:06 pm

» HIT SPRING-SUMMER EF 2019.2020
por Moon Jae Hwan Ontem à(s) 3:09 pm

» 02. Date Night
por Kwon Young Jae Ontem à(s) 2:33 pm

» Jun Sun e Tulipay: Awaken
por Park Jun Sun Ontem à(s) 12:15 pm

» Nari: 02. Agreement
por Starry Night Ontem à(s) 2:07 am

» Junsun: 01. Rebirth
por Starry Night Ontem à(s) 1:56 am

» Luna: 03. PaintMe
por Luna Minn Ontem à(s) 12:22 am

» Eun Kyung: 03. News.
por Starry Night Seg Ago 19, 2019 11:50 pm

» Cena Coletiva 01: Into The Deep Blue
por Kang Seung Hee Seg Ago 19, 2019 11:01 pm

» RPs Privadas
por Moon Jae-Eun Seg Ago 19, 2019 9:18 pm

» Capítulo 2 - Velhos conhecidos
por Joseon RPG Seg Ago 19, 2019 9:17 pm

» Take a Deep Breath
por Moon Jae-Eun Seg Ago 19, 2019 9:16 pm

» Capítulo 1 - Comemorações
por Joseon RPG Seg Ago 19, 2019 9:04 pm

» Ong: 03. Picture in my head
por Ong Joo Heon Seg Ago 19, 2019 6:35 pm

» Gyuri: 04. A Princess is Born
por Nam Gyuri Seg Ago 19, 2019 5:00 pm

» Somin: 03. Interlude
por Han Somin Seg Ago 19, 2019 3:36 pm

» Tori: 03. Me Fisrt
por Moon Jae-Eun Dom Ago 18, 2019 8:17 pm

» @jh0516
por Moon Jae Hwan Dom Ago 18, 2019 6:55 pm

» 02. Yes or Yes
por SKIE RPG Dom Ago 18, 2019 5:26 pm

» SOCIAL LINK
por Nang Eun Kyung Dom Ago 18, 2019 4:10 pm

» [DADOS] Onde estrelas nascem ou morrem
por Lee So Eun Dom Ago 18, 2019 9:15 am

» Tulipay Kay's Song
por Nang Eun Kyung Dom Ago 18, 2019 8:48 am

» All sink or swim
por Ayleen G Dom Ago 18, 2019 8:36 am

» @jkim.official
por Kim Joon Hee Dom Ago 18, 2019 3:00 am

» @jkimofficial
por Kim Joon Hee Dom Ago 18, 2019 2:37 am

» Daehwan's Song
por Starry Night Dom Ago 18, 2019 1:11 am

» Soeun: 01. Pillowtalk
por Starry Night Dom Ago 18, 2019 12:33 am

» Code Twitter
por Sokcho's Tale Sab Ago 17, 2019 2:36 pm

» Code Instagram
por Sokcho's Tale Sab Ago 17, 2019 2:34 pm

» We are Hope
por Primula Rhododendron Sex Ago 16, 2019 4:34 pm

» Capítulo 1 - Dama da Corte
por Joseon RPG Sex Ago 16, 2019 2:39 pm

» Capítulo 1 - Harabeoji
por Joseon RPG Sex Ago 16, 2019 2:03 pm

» Mercado - OFF
por Aeshin Sex Ago 16, 2019 11:02 am

» @by.e.hanna
por SKIE - Hae Qui Ago 15, 2019 10:22 pm

» NPC's da ficha
por Sokcho's Tale Qui Ago 15, 2019 11:49 am

» Off-Chat
por Joo Ri Qua Ago 14, 2019 6:17 pm

» [INSCRIÇÕES] STARRY NIGHT
por Ahn DaeHwan Qua Ago 14, 2019 2:26 pm

» Teste de TPTs
por Moon Jae Hwan Qua Ago 14, 2019 12:15 pm

» Yeon Ha Na
por Sokcho's Tale Qua Ago 14, 2019 7:32 am

» Informações Extras
por Joseon RPG Ter Ago 13, 2019 8:27 pm

» INSCRIÇÕES
por Nam Joo-Hyuk Ter Ago 13, 2019 6:42 pm

» @itswowls
por Shin Jaejin Seg Ago 12, 2019 10:22 pm

» Códigos de Templates
por Sokcho's Tale Seg Ago 12, 2019 8:38 pm

Conectar-se

Esqueci minha senha

Recursos Gráficos

Parceiros

Créditos

A skin foi totalmente criada pela Ross (Ji Yeon), para uso exclusivo no Elysium Fields. A designer agradece à Persephone (Hae Shin) e à Luxi (Joo Ri) pela paciência para a aturar, a Flerex pelos códigos de cores e campos de perfil que tornaram tudo mais fácil e a FontAwesome pelos ícones. Os gráficos para imagens foram obtidas do Google e editadas pela Ross. As tramas são criações originais e de responsabilidade de seus respectivos narradores. O blog Dorama Resenhas é nosso parceiro-irmão e todo seu conteúdo é feito por suas escritoras através de uma pesquisa séria de fontes confiáveis, além da exposição de opiniões próprias. Plágio é crime. Não copie dos nossos conteúdos originais. Se for tomar inspiração, por favor mencione.
Moderação
One Piece
Starry Night
SKIE
The Crown
Joseon RPG
Sokcho's Tale
Convidados

We are Hope

Página 2 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ir em baixo

Relembrando a primeira mensagem :

We are hope

A vida na Marinha como recruta não era nada como Primula havia imaginado: prender piratas, lutar contra bandidos malfeitores, ser amada pela população, travar batalhas dignas de serem escritas em livros. Nada disso. Havia poucos meses que havia se tornado uma marine, e nesse tempo tudo o que tinha feito era limpar. O chão, as paredes, pratos, louças, o pátio do quartel general. Resumindo, tudo o que lhe ordenassem manter limpo.

Além disso, havia descoberto nesse meio tempo que não era uma boa ideia usar os poderes de sua akuma em frente aos outros marines. Nada que fosse novidade, ela já havia descoberto que as pessoas tinham um certo preconceito contra quem havia comido a tal fruta do diabo. Na verdade, como uma boa observadora, tinha percebido que tudo aquilo nada mais era do que medo. Ainda assim, era incômodo ter olhares tortos e cochichos ao seu redor. Desta maneira, uma vez ou outra, quando estava sozinha, permitia-se usar pequenos poderes: como crescer para alcançar um local que não chegava nem com escadas, ou estender o braço para pegar a pá que havia esquecido no início do corredor.

A parte mais emocionante de sua rotina eram os treinos, tanto de luta corporal, defesa pessoal, luta com espadas e, principalmente, tiro ao alvo. Neste último ela tinha descoberto uma real vocação, gostava mesmo daquilo, e era, de fato, excelente com qualquer tipo de arma a longa distância, muito melhor que seus colegas da mesma patente.

Não havia muito o que se fazer por aquele lugar, era apenas uma base pequena em uma ilha medíocre de South Blue, chamada Joyful Harbor, uma cidade comerciante, por isso a Marinha ali estava instalada, para verificar a entrada e saída de mercadorias e garantir que os piratas e contrabandistas se mantivessem longe. O que, mesmo em pouco número, os marines conseguiam fazer. South Blue sempre fora uma área pacífica, e a maioria dos piratas problemáticos seguiam sua vida para a Grand Line, deixando os blues e seus moradores em paz, na grande parte do tempo.

Isso fora antes da execução de Gold Roger, há apenas uma semana. Com a declaração do Rei dos Piratas sendo transmitida pelos Den Den Mushi a nível mundial, todos aqueles que sonhavam com riqueza, poder e fama, sem se importar de onde ela viria, se lançaram ao mar em busca do sonhado One Piece. Mesmo Joyful Harbor sofreu com aquilo. Os ataques ao porto e ao mercado aumentaram, ao mesmo tempo que o número da população diminuiu drasticamente de maneira muito rápida, já que muitos viam um futuro mais promissor na vida como fora-da-lei no que no comércio, ainda mais agora, com o perigo de terem sua mercadoria roubada a qualquer momento.

A excitação dentro de Prim crescia, a medida que o dia em que entraria em um combate real chegava, deixando os dias de limpezas para trás. Ser uma verdadeira marine. Contudo, a vida é, e sempre será, cruel: Prim foi transferida para uma ilha ainda menor, cuja base da Marinha havia sido recém construída: Baterilla. A princípio, a transferência parecia bastante promissora: era uma nova base, com novos colegas, novos superiores... Quem sabe agora finalmente teria a chance de largar a vida de “auxiliar de limpeza”.

Ledo engano... Tão logo desembarcou na ilha, foi designada para limpar a bagunça da construção que havia ficado, juntamente com outros cinco recrutas. E aquela sujeira era ainda pior da que tinha em Joyful Harbor: era uma poeira branca que grudava em todo canto. Até no teto e lugares onde o sol não bate...

E assim havia passado seu primeiro dia na pacata ilha de Baterilla. A vida de glórias como Marine viria, um dia... Já naquele dia em específico, Prim segue para o refeitório como seria costume todas as manhãs, para tomar o café da manhã com os demais colegas da nova Base da Marinha. Tudo ainda estava sendo ajeitado, estão havia muitos lugares vazios, e poucas pessoas para interagir. Assim que pega o seu prato e senta, outro de seus colegas junta-se à ela. Cassian, três anos mais velho que Prim, e algumas patentes acima, serve à Marinha como tenente-comandante. Como braço-direito do Capitão Aerys, era ele quem geralmente distribuía as ordens dadas pelo mesmo. Embora não tivessem interagido nada além das formalidades em sua chegada, ela sentia que ele procurava ser sempre gentil com ela e com os outros recém-chegados.

We are Hope - Página 2 5WAXyhK

-Bom dia Primula-San. Dormiu bem esta noite? - Cassian colocou a bandeja na mesa à sua frente e sentou-se, embora tivesse diversos lugares vazios, inclusive com pessoas de patente mais alta que ela. Com sua barba sempre por fazer a seu uniforme quase sempre amassado, ninguém jamais diria que um rapaz assim chegaria onde estava agora, mas ali estava ele, sorrindo e mexendo nos cabelos bagunçados, com a insígnia de tenente-comandante no peito. - Então, o que está achando da nossa nova base marine?
Ayleen G
Capa perfil : We are Hope - Página 2 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Estado Civil : Casado (a)
Idade : 29
Gif : We are Hope - Página 2 Lolgif2
Apelido : Rafa
Jogo : -
Mensagens : 169
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 DlrW64s
Cabeçalho posts : https://i.redd.it/we962gwu1nf11.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo


We are Hope

A curiosidade corrói Primula por dentro, mas ela sabe que o dever que lhe foi passado deve vir em primeiro lugar. Imaginando que tipo de notícia, ou cartaz de procurado, faria Cassian agir daquela forma estranha, Prim continuou a organizar toda a papelada, também se atentando aos papéis que ali estavam. A maioria eram informações sobre moradores da ilha, não apenas as grávidas, mas todos aqueles que poderiam ter alguma relação com Gold Roger. Por que, afinal, o Governo Mundial e a Marinha estavam tão focados em encontrar pessoas ligadas a ele? O Rei dos Piratas já tinha sido executado há uma semana e, mesmo tendo lançado milhões de pessoas ao mar em busca do One Piece através da pirataria, não havia nada que garantisse que as pessoas ligadas a ele fariam o mesmo, havia? Deveria ter algo a mais ali, alguma razão que Primula ainda não havia entendido ou descoberto... Mas o que?

Havia também inúmeros cartazes de recompensa por novos e velhos piratas. Alguns já eram conhecidos dela, como os dois membros mais famosos da tripulação de Gold Roger, Shanks e Buggy, obviamente o primeiro tinha a recompensa por sua cabeça muito maior que o segundo, que não passava de um palhaço arruaceiro que, assim como ela, tinha comido uma fruta do diabo. Outros piratas, até então desconhecidos para ela, também tinha recompensas tão grandes ou maiores que Shanks, Prim teve a atenção presa principalmente por dois deles: um pirata de nome Ronan O'Bryan, cuja recompensa alcançava Shanks em B$550,000,000 (CLICK), e uma garota mais nova que ela, de nome Ruby Rose, que chegava aos incríveis B$ 1,000,000,000 (CLICK).Também verificou que o pirata que havia sido a causa de ela ter comido sua akuma no mi anos atrás não estava entre os procurados. Teria sido capturado, morto, ou o que? Os demais cartazes, em sua maioria, pertenciam a alguns piratas do South Blue, insignificantes ou recentes demais para que ela se lembrasse de todos.

Como Cassian não havia lhe dito como deveria organizar os demais documentos, Primula guardou como achou que deveria, separando os cartazes de recompensas por ordem alfabética, assim como os registros de todos os moradores da ilha. Ademais, a maioria dos papéis eram alguns relatórios extensos da Marinha, ou outros protocolos, levaria dias para ler tudo, então apenas organizou conforme os assuntos. Explicaria a Cassian mais tarde como guardara os documentos.

Sua barriga reclamava por estar vazia, já devia ter passado da hora do almoço, afinal, o sol já estava começando a baixar, indicando o início da tarde. Ainda faltavam alguns papéis para guardar, mas certamente estaria livre de tudo antes do pôr do sol. Desta forma, ela olhou pela janela, a procura da gaivota, sem qualquer sinal dela (o que foi, de certa forma, um alívio). Saiu da sala em direção ao refeitório. Ainda havia comida, mas já não estava tão quente. Ao menos serviria para matar a fome. Não havia muitos marines por perto, a maioria já deveria ter almoçado, então poucas fofocas para escutar. Assim que avistou um de seus colegas recrutas, ela tratou logo de o chamar, agora sem se preocupar em ser formal.

We are Hope - Página 2 Kota-hirano-high-school-of-the-dead-8.46

-Eu? Ah, olá Pri-chan, ahn, senhorita Prim... Primula. - Modd era um gordinho um pouco mais jovem que ela, havia entrado na Marinha há alguns meses, mas ainda continuava na mesma posição hierárquica. Ele não era lá um dos grandes destaques, de qualquer maneira, muito tímido e medroso para um Marine. Ainda assim, era dos mais amigáveis com Prim. - O jornal? Bem... Eu vi apenas a capa, parece que o construtor do Oro Jackson foi preso. - ele percebeu que Prim não sabia do que ele estava falando, então continuou, parecendo um pouco mais confiante. - Oro Jackson foi o navio de Gold Roger, quem o construiu foi um tritão chamado Tom. Acho que deve ter um exemplar do jornal na recepção...


_________________
We are Hope - Página 2 Tumblr_php21vVR3d1xg13hmo1_500
Ayleen G
Capa perfil : We are Hope - Página 2 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Estado Civil : Casado (a)
Idade : 29
Gif : We are Hope - Página 2 Lolgif2
Apelido : Rafa
Jogo : -
Mensagens : 169
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 DlrW64s
Cabeçalho posts : https://i.redd.it/we962gwu1nf11.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

Primula


Mesmo alguém que detestava piratas como ela não conseguia ver sentido em uma caça às bruxas a qualquer tipo de pessoa relacionada a Gold Roger. Será que, em suas pilhagens e aventuras proibidas,ele havia descoberto algo que ameaçava o Governo? Será que o próprio One Piece era uma ameaça?

Deu uma boa olhada naqueles cartazes de recompensa. Era novata, mas tinha que aprender a memorizar aqueles rostos o quanto antes, para que não cometesse uma gafe. E tinha a ilusão, sim, de um dia poder ter informações úteis sobre eles para prender aqueles bandidos. Uau, o que aquela menina pequena poderia ter feito de tão mal para conquistar uma recompensa tão alta? Definitivamente não podiam julgar um livro pela capa. Bandidos estavam em todo canto! Era por causa de pessoas assim que inocentes acabavam, infelizmente, investigados.

Porém, o que lhe dava mais sentimentos de revanche não estava ali. Em primeiro momento sentiu-se inquieta. Por quê? Se alguém deveria estar ali, era aquele homem gigantesco. O que mais poderia fazer com outras pessoas inocentes? O que poderia ter acontecido com ela e suas irmãs se não fosse a marinha? Teve um arrepio, mas precisava trabalhar.

É verdade que foi negligente nos protocolos, mas como poderia ler tantas páginas sem parecer ociosa? Sua curiosidade ficaria para outro dia. Bastou usar os temas e os que pareciam mais recentes para ordenar.

Saiu de lá pensativa, pensando que Cassian tinha muitos mais segredos escondidos naqueles arquivos do que ela pensava. Era tão novata e inexperiente no lugar que sentia-se meio estúpida agora por sua inocência. Fez uma pausa reflexiva, almoçando sozinha, para variar. As pessoas a evitavam por causa de sua fruta, mas ele era diferente até nisso. Que homem incrível. Ficou feliz por ser tratada bem por outra pessoa também. O recruta lhe deu as informações que ela queria. Gostava quando as pessoas a tratavam daquela forma, com respeito, lembrava do conforto de ser uma “realeza” em casa, mas, ali, era mais o conforto de não sofrer preconceito mesmo.

Fez uma cara confusa. Não fazia ideia de quem era Oro Jackson...Ou melhor, “O quê”.

- Oh -piscou, demonstrando surpresa.

De novo, Gold Roger. Sem dúvidas ele seria brutalmente interrogado. Talvez ele soltasse um nome?

- Ótimo - piscou, levantou-se para deixar a bandeja em um canto e saiu para a recepção, para pegar uma cópia do jornal antes de sair para seu dia de folga.

Ela pretendia dar um passeio até a casa da amiga pessoa do capitão, apenas para sondar o lugar. Na verdade, ela queria era olhar os arredores, inconscientemente queria se certificar que não havia mulheres sendo intimidadas nas ruas por causa daquele assunto, durante o caminho. Era uma inquietação que tinha no peito depois daquela notícia.


Primula Rhododendron
Capa perfil : We are Hope - Página 2 86f7646e5efa3e13c092e89c33ab092a
Frase : Make the world a better place
Estado Civil : Solteiro (a)
Gif : We are Hope - Página 2 Tumblr_nli0fl3jcV1rd1hwoo1_500
Apelido : Joo Ri
Jogo : Recruta, Marine
Mensagens : 67
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 117d184a8d9ee5eb184ed6ba210e1ae2--paradise-kiss-manga-anime
Cabeçalho posts : http://static.minitokyo.net/downloads/14/02/275114.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

We are Hope

Sem dar muita conversa a Modd, que ficou com cara de tacho observando ela se afastar, Primula seguiu para a recepção, em busca da edição do jornal do dia. Havia um marine na recepção, como era de costume, que apenas lhe lançou um olhar rápido, para verificar se ela precisava de alguma coisa. Contudo, a recruta sabia bem o que tinha ido buscar ali, e pegou um dos exemplares disponíveis em uma mesinha de canto, perto do sofá da recepção. Como Modd havia dito, a maior e mais importante notícia era sobre a captura de Tom, cuja foto estava estampada na capa.

We are Hope - Página 2 350?cb=20130920052404

O resumo da capa dizia: "O perigoso tritão Tom, carpinteiro naval e amigo íntimo de Gold Roger, foi preso por oficial do Governo Mundial e da Marinha, na tarde de ontem, em Water 7, onde reside. Acusado de colaborar com a pirataria através da construção de navios, especialmente Oro Jackon, o qual pertencia a Gold Roger e sua tripulação, Tom foi encaminhado para julgamento em Enies Lobby, e será mantido preso até lá. Além disto, ele também é acusado de manter consigo a posse de uma arma ancestral poderosa e mortal. Veja mais detalhes na página 4 e 5, em uma cobertura exclusiva da nossa jornalista Gabriela Gian."

As páginas 3 e 4 continham todos os detalhes da prisão de Tom, que este colaborou com os agentes, e isto seria levado em consideração pelo juiz que o julgaria. Ainda falava um pouco mais sobre o trabalho realizado pelo tritão e sua ligação direta com Roger. Primula pode perceber que, além das acusações já citadas na capa, a reportagem não trazia nenhum detalhe sobre a motivação das mesmas. Poderia haver um motivo para isso, no fim das contas, para não atrapalhar o julgamento, talvez... Seria interessante manter seu olho nos jornais a partir de agora.

Assim que terminou de ler, Primula guardou o jornal e seguiu pensativa até a residência que Cassian tinha indicado como sendo da sua amiga, Leah. No caminho até lá, e mesmo agora, Primula não notava nenhuma diferença no cotidiano das pessoas. Encontrou duas vezes duplas de marines fazendo ronda, mas eles conversavam entre si, e cumprimentavam os habitantes cordialmente. Avistou algumas crianças correndo em um terreno baldio, e uma velha senhora gritando com elas de sua varanda. Uma moça de aproximadamente 15 anos varria a calçada na frente de sua casa. Um casal voltava do centro da vila, com sacolas de compras. Todos cumprimentaram Prim quando ela passou, identificando-a como marine por causa do uniforme. De fato, não parecia haver nada de estranho, como se ninguém soubesse o que estava acontecendo...

A residência de Leah não era muito distante da base, afinal, foram apenas 10 minutos de caminhada até lá, contudo a casa permanecia com uma distância razoável das demais da vizinhança. As janelas estavam abertas, indicando que deveria haver alguém dentro, embora Prim não conseguisse ver ninguém de onde estava. Tinha tijolos expostos, como parte da decoração, e boa parte das paredes externas estava coberta por trepadeiras bem aparadas.

We are Hope - Página 2 585211120c5ea595fa6bad03f9958f80406e1fdf_hq


_________________
We are Hope - Página 2 Tumblr_php21vVR3d1xg13hmo1_500
Ayleen G
Capa perfil : We are Hope - Página 2 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Estado Civil : Casado (a)
Idade : 29
Gif : We are Hope - Página 2 Lolgif2
Apelido : Rafa
Jogo : -
Mensagens : 169
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 DlrW64s
Cabeçalho posts : https://i.redd.it/we962gwu1nf11.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

Primula


Primula tinha ouvido o básico sobre Enies Lobby, mas mesmo quando pensou em se candidatar para se tornar em um membro da marinha, nunca imaginou passar perto daquele lugar. Achava que tinha uma aura muito pesada, pelo tipo de prisioneiro que abrigava. Tom teve seu fim merecido, mas ela também não ficava feliz de pensar que tipo de coisas que ele poderia sofrer para que obtivessem informações sobre a arma. Ele foi sensato em soltar o que sabia de uma vez. Por que será que os piratas escolhiam esse caminho, mesmo sabendo que muito provavelmente seria esse seu fim?

Achou bom guardar o exemplar em seu quarto e acompanhar o desenrolar dos casos. Aparentemente, notícias bombásticas explodiriam em cada canto dos mares por causa da execução de Gold Roger e ela deveria ficar de olho em todas. Algo em seu íntimo dizia que ela precisava de informação. O que tinha acontecido na sala, mais cedo, a fazia querer sair da ignorância.

Afinal, queria poder ser confiável e um braço direito do tenente, já que suas motivações pareciam justas. Ela decidiu começar esse tipo de construção de confiança já iniciando parte do trabalho: fazer uma ronda na cidade.

Já não conseguia andar lá normalmente, achando que era uma vila pacífica. Olhava para os marines e pensava que eles provavelmente, como ela, não faziam ideia daquela ordem. Bem como as crianças correndo, a pobre senhora e a menina. Teria que “interrogá-las”. Quão assustadas ficariam se não fosse ela a desempenhar essa função? Se esforçou em sorrir e cumprimentar o casal.

Sentia que estava conhecendo uma camada sombria da cidade. Será que sempre esteve ali?

Primula parou diante da casa, admirando por um momento. Parecia uma vida confortável que ex-capitã da Marinha e um Vice-Almirante. Ficou algum tempo ali, pensando se deveria atrapalhá-la tão cedo, mas diante das últimas notícias, talvez fosse melhor começar sua missão o quanto antes, antes que o Governo ficasse pressionado para achar as mulheres e designassem aquilo para outra pessoa.

Respirou fundo e bateu na porta.

Era uma conversa, afinal. Empatia feminina, ele disse. Mas uma ex-capitã já não imaginaria o que ela estava fazendo ali?
 
Primula Rhododendron
Capa perfil : We are Hope - Página 2 86f7646e5efa3e13c092e89c33ab092a
Frase : Make the world a better place
Estado Civil : Solteiro (a)
Gif : We are Hope - Página 2 Tumblr_nli0fl3jcV1rd1hwoo1_500
Apelido : Joo Ri
Jogo : Recruta, Marine
Mensagens : 67
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 117d184a8d9ee5eb184ed6ba210e1ae2--paradise-kiss-manga-anime
Cabeçalho posts : http://static.minitokyo.net/downloads/14/02/275114.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

We are Hope

Era estranho caminhar pelo tranquilo vilarejo agora, sabendo do que estava prestes a acontecer na ilha, do cenário que estava sendo montado. O caminho todo até a casa de Leah, Primula olhava para as pessoas na rua ou em suas casas e ficava imaginando o impacto que sua missão teria na vida de cada um. Assim como Cassian, ela queria causar o menor estrago possível e, melhor ainda, se fosse nenhum. Mas pelo que o tenente havia lhe dito, a ordem seria dada a outros, se eles não a cumprissem. Então o que era melhor, participar dessa caça desnecessária e cruel, ou dar as costas e esperar que outro toma decisões, às vezes até piores? Primula estava em uma difícil encruzilhada, escolhas deveriam ser feitas, que poderiam mudar muita coisa dali em diante.

Após alguns minutos olhando a casa de Leah e refletindo sobre tudo, Primula decidiu começar com a missão naquele momento. Não havia preparado qualquer entrevista, nem sequer sabia quais perguntas fazer, porém estava determinada. Seu plano era começar com uma conversa casual, ter mais intimidade e conexão com a ex-marine. Quem sabe quais frutos aquela conversa poderia render, afinal, ela não era apenas uma das "suspeitas", pois além disso era esposa de um vice-almirante e também havia havia sido membro da Marinha. Bem, será que ela não suspeitaria de algo?

Ainda assim, quando se deu por conta, Primula já havia batido na porta. Passos foram ouvidos de dentro da casa, e pouco tempo depois, a porta se abria com um leve rangido. Leah, deveria ser ela, era uma mulher com idade por volta dos 30 anos, loira, cabelos longos e lisos e olhos castanhos. Vestia roupas confortáveis e, mesmo que Prim soubesse que ela estava grávida, não parecia, pois mal dava para notar uma pequena saliência em sua barriga. Devia estar no início da gravidez... Por que diabos suspeitavam dela?

We are Hope - Página 2 Riza.Hawkeye.full.86559

-Olá, boa tarde. - um cachorro de pelagem preta e branca (CLICK) estava entre suas pernas, e farejava o ar, sentindo o cheiro daquela desconhecida que estava na porta. - Em que posso ajudar, senhorita...? - era óbvio que o seu uniforme não havia passado desapercebido por uma ex-marine, ela devia até mesmo saber da sua baixa patente. Ainda assim, devia tratar Primula com respeito, já que não fazia mais parte da Marinha, e não estava em posição hierárquica superior. Ela parecia ter um rosto muito simpático mas, ainda assim, era intimidador estar à sua frente. Ela é esposa de um vice-almirante!


_________________
We are Hope - Página 2 Tumblr_php21vVR3d1xg13hmo1_500
Ayleen G
Capa perfil : We are Hope - Página 2 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Estado Civil : Casado (a)
Idade : 29
Gif : We are Hope - Página 2 Lolgif2
Apelido : Rafa
Jogo : -
Mensagens : 169
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 DlrW64s
Cabeçalho posts : https://i.redd.it/we962gwu1nf11.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

Primula


Primula deu uma breve congelada ao ver aquela mulher. Por mais que a loira não estivesse de uniforme, não conseguia esquecer que ela foi de uma patente mais alta, e que era esposa de um vice-almirante. Era louca de estar ali na casa dela??? Porém, a aura doce de Leah pareceu acalmá-la um pouco. Seus olhos encontraram a breve saliência na barriga, e isso, somado à presença de um cão, mexeu com seu coração.

Por que suspeitar de uma pessoa assim? Sentiu pena dela, como tinha das demais mulheres da vila. Ela fez uma reverência respeitosa.

- Senhora Leah… Eu me chamo Primula Rhododendron e eu vim em nome do tenente-comandante Cassian. - ergueu o rosto lentamente, tomando ar. - Eu fui designada recentemente para ocupar o novo posto da marinha nesta ilha. Eu estou fazendo um reconhecimento da população e, como sou nova, ele me indicou o seu nome. Poderíamos conversar um minuto? - ela chegou a dar um pequeno sorriso no final, tentando mostrar que tinha boas intenções.

Seu coração estava incerto e ansioso. Não queria mentir para ela, era contra esse tipo de coisa, mas se não o fizesse, o medo que aquelas pessoas sentiriam, e o tipo de coisa que uma ex-oficial poderia fazer causaria muito mais caos.

Abaixou o corpo e ofereceu a palma da mão para o cachorro cheirar. Se ele não quisesse usá-la como poste, estava ótimo, mas deu um sorriso nervoso, esperando que isso não acontecesse.

Ela também não conseguia ficar completamente confiante ou à vontade, considerando quemera aquela mulher e que suas palavras era uma invenção improvisada, baseada no objetivo. Detestava mentir, mas era preciso, não? Estava apenas protegendo-na.

Primula Rhododendron
Capa perfil : We are Hope - Página 2 86f7646e5efa3e13c092e89c33ab092a
Frase : Make the world a better place
Estado Civil : Solteiro (a)
Gif : We are Hope - Página 2 Tumblr_nli0fl3jcV1rd1hwoo1_500
Apelido : Joo Ri
Jogo : Recruta, Marine
Mensagens : 67
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 117d184a8d9ee5eb184ed6ba210e1ae2--paradise-kiss-manga-anime
Cabeçalho posts : http://static.minitokyo.net/downloads/14/02/275114.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

We are Hope

Nos breves segundos que Primula pareceu congelada à imagem da ex-marine na sua frente, Leah pestanejou e esperou o tempo para que a outra se recompusesse.  O cão farejava, dando alguns passos para frente, curioso. Mesmo ali da porta, dava para perceber que não havia mais ninguém da casa, sinal que o vice-almirante deveria estar em alguma missão no mar, como era de costume. Na verdade, era muito difícil que marines permanecessem junto das famílias, pois raramente ficavam em apenas uma base, ainda mais com uma patente tão alta.

Mas uma coisa incomodava Primula acima de tudo: por que essa mulher também era uma das "suspeitas"? Ela era casada com um homem da Marinha, já fizera parte da corporação... Além disso, há quanto tempo Gold Roger esteve na ilha? Será que fazia 2 meses, ou mais, desde que havia sido capturado? Primula precisava de informações mais precisas para conseguir descartar pelo menos as grávidas mais recentes, como parecia ser o caso de Leah. Por fim, nos breves segundos que pareceram horas, Primula finalmente recobrou a consciência e fez uma mesura para a mulher, cumprimentando-a.

-Oh, Cassian? Como ele está se saindo como tenente-comandante, hein? Entre, Primula-san, por favor. - Leah abriu mais a porta, fazendo um gesto com o braço para que a recruta entrasse em sua casa. - Mesmo que a base esteja em Baterilla há poucos meses, Cassian-kun nunca enviou ninguém para falar comigo antes. Sente-se, por favor, eu estou fazendo chá. Preciso beber bastante líquidos... - ela sorriu e passou a mão na barriga de maneira carinhosa. Enquanto isso, o chão cheirava a mão estendida de Primula, dando duas lambidelas, antes de voltar a seguir sua humana, que ia em direção à cozinha.

-Aceita algo para comer, Primula-san?
- independente da resposta, Leah voltou alguns minutos depois para a sala, trazendo consigo uma bandeja com um bule de chá, duas xícaras em pires e umas trufas em uma pequena travessa. - Desculpe, eu não estava esperando visitas... - Leah sentou-se em uma poltrona e fez sinal para que a outra também se sentasse. O interior da casa era bonito e bem arrumado. Não conseguia ver muito além da sala de estar, que continha uma lareira (no momento sem fogo), um sofá, duas poltronas, uma mesinha de centro, uma aparador com enfeites e fotos, além de quadros pintados, fotos em porta-retratos e outros enfeites. Cada coisa parecia em seu local, e apesar da aparência simples, tinha sido planejada para parecer mesmo uma casa de família com um bom dinheiro. - Então... Se Cassian-kun enviou-a para falar comigo deve ser algo importante...



_________________
We are Hope - Página 2 Tumblr_php21vVR3d1xg13hmo1_500
Ayleen G
Capa perfil : We are Hope - Página 2 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Estado Civil : Casado (a)
Idade : 29
Gif : We are Hope - Página 2 Lolgif2
Apelido : Rafa
Jogo : -
Mensagens : 169
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 DlrW64s
Cabeçalho posts : https://i.redd.it/we962gwu1nf11.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

Primula


Era importante saber quão tensa aquela conversa poderia ficar caso desse de cara com um superior ativo, por isso ficou um pouco mais tranquila de ver que não seria o caso de trombar com o Vice-Almirante de repente.

- Com licença - pediu, antes e entrar na casa.

Olhou o cachorro, a decoração da casa… Sentia-se traindo um pouco a confiança daquela mulher, mas sua intenção era boa. Então precisava focar nisso.

Leah estava na ilha há quase um ano, e Gold Roger foi capturado há… quanto tempo? Era um absurdo que quisessem fazer conexões até de uma mulher da marinha a um pirata! Que grande absurdo! Será que não gostavam dela e agora aproveitavam para investigá-la? Será que não tinham vergonha de fazer isso quando o próprio marido dela era de uma patente tão alta? Isso não deveria protegê-la? Pior ainda: achavam que Leah poderia ter um caso com Gold Roger? Isso significaria trair o marido! Por que assumiam essas coisas?

Aparentemente todas eram suspeitas mesmo. Que vergonhoso.

Enquanto pensava, olhava discretamente quadros, fotos, referências da casa. É claro que não esperava que ela tivesse uma bandeira pirata no meio da sala, mas todo tipo de coisa que lembrasse que ela ainda mantinha seus princípios poderia ser citado no relatório, não?

A mulher parecia bem dócil e lhe perguntou sobre o Cassian. Eles pareciam bem amigos pela forma como ela falava. Deveriam ter sido colegas de campo.

- Ele é um ótimo tenente-comandante! - comentou empolgada. Porque até então ele tinha se mostrado uma pessoa maravilhosa.

Notou que Leah já tinha percebido que algo devia estar estranho para mandar alguém. Era um jeito educado de dizer isso, mas sentia que devia explicações.

- Ele está me dando uma chance de interagir com a população, ou assim eu posso dizer. Até então, eles esperavam muito pouco de mim, talvez por ser mulher - soltou um pouco de sua opinião verdadeira, porque era outra mulher, que talvez a entendesse. Queria dizer, mais especificamente, que ela só limpava o chão, mas era orgulhosa para isso.

- Ah, eu aceito o chá. Oh, é mesmo. Essa fase é uma das mais importantes… Está de quantas semanas? - sorriu gentilmente. - Lembro da minha mãe… Tenho duas irmãs. E acompanhei um pouco dessa fase da mais novinha. Eu era pequena, e não entendia direito as coisas. Achava que estava ajudando quando encostava a cabeça na barriga dela e conversava com o bebê - deu risada.

Por um momento foi tão leve no assunto que quase esqueceu da missão. Será que era por causa disso que Cassian a tinha enviado? Sorriu para o cachorro, mais tranquila porque ele não parecia querer implicar com ela. Se tivesse a oportunidade, olharia as fotos mais de perto.

- Não precisa se incomodar - disse sobre a comida, mas ficou feliz e quase emocionada quando viu aquelas trufas. Fazia tempo que não comia algo gostoso assim longe de casa.

Seus olhos se encheram de coraçõezinhos. Era como um chá da tarde em sua vida nobre. De certo estava adorando aquela “suspeita”. A casa também era bem arrumada, como ela, acostumada com luxos, gostava.

- Oh, muito obrigada!! Eu realmente gosto de chá da tarde - sorriu e sentou-se de frente para ela.

Como uma boa profissional que era, Leah logo voltou ao assunto. Prim poderia estar viajando nas trufas, querendo ser sua amiga, mas tinha algo que precisava resolver.

- Certo… - tomou ar. Já deve ter notado a movimentação maior de criminosos e incidentes por toda parte desde que Gold Roger foi executado… - fez uma pausa. - A Marinha quer se aproximar dos habitantes para garantir a maior proteção possível! É um tanto vergonhoso falar isso, sabendo que a senhora foi uma grande contribuinte das nossas, mas, agora, tendo em vista que o senhor Vice-Almirante não pode ficar tanto tempo por aqui, e também a sua gravidez… A senhora Leah acabou se tornando mais vulnerável. - e escondeu os lábios, pensando rapidamente.

- Tem visto o noticiário? Muitos dos tripulantes de Gold Roger estão sendo capturados. Estamos evitando uma retaliação. Especialmente se essses piratas acharem que os informantes de seu paradeiro vieram desta ilha. Por exemplo… Quando estava na minha terra natal, eu soube que Gold Roger esteve aqui pessoalmente. Não me lembro exatamente quando foi… - deu espaço para que ela completasse, se soubesse. - . Você já estava aqui quando isso aconteceu, Leah-san?


Primula Rhododendron
Capa perfil : We are Hope - Página 2 86f7646e5efa3e13c092e89c33ab092a
Frase : Make the world a better place
Estado Civil : Solteiro (a)
Gif : We are Hope - Página 2 Tumblr_nli0fl3jcV1rd1hwoo1_500
Apelido : Joo Ri
Jogo : Recruta, Marine
Mensagens : 67
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 117d184a8d9ee5eb184ed6ba210e1ae2--paradise-kiss-manga-anime
Cabeçalho posts : http://static.minitokyo.net/downloads/14/02/275114.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

We are Hope

Enquanto pensava mais sobre a situação, Primula se dava conta do quão complexa ela era. De todas as pessoas da ilha, certamente Leah era a que menos deveria ser "suspeita", se é que poderia chamar a mulher que amava Gold Roger desta maneira. Seria o amor um pecado tão grande a ponto de se tornar um crime mundial? Ser caçada pelo Governo e pela Marinha, como se fosse uma ladra, uma pirata? Quanto mais ela pensava sobre, mais indignação tinha. E, ao perceber como era a casa de Leah e mesmo a própria mulher, ela também imaginava como esta reagiria ao saber de tudo o que, de fato, estava acontecendo.

A casa era aconchegante e, de um certo modo, fazia Primula se sentir confortável, quase como se estivesse em casa. A calmaria, o cheiro do chá, as trufas de chocolate e a decoração, tudo a fazia recordar o tempo que morou com a família, uma verdadeira vida de nobre. Sabia que seria feliz lá, que suas complicações diárias seriam pouquíssimas, que mal precisaria se preocupar com questões tão complexas. Ainda assim, havia algo em sua mente e em seu coração que a faziam desejar algo além. Queria fazer a diferença. Queria... Mais.

Leah agia naturalmente, e recebia muito bem a sua convidada. Enquanto preparava o chá, Primula olhou um pouco a decoração, tentando se familiarizar mais com a mulher, e também encontrar algo para que pudesse se conectar de um jeito mais natural. Os quadros eram pinturas de animais e paisagens, pintados à mão, nada inesperado para uma casa como aquela. Já nas fotos, Primula pode ver uma Leah mais nova, com o uniforme da Marinha segurando uma arma de longo alcance, uma atiradora, como ela própria (CLICK). Também havia uma foto de um homem, que provavelmente era o Vice-Almirante Akira mais jovem (CLICK), uma foto de ambos com o uniforme da Marinha e o cãozinho que Primula já havia conhecido (CLICK), e outras mais casuais, estas sim pareciam fotos de uma família comum (CLICK), (CLICK), (CLICK). Outras fotos eram, aparentemente, de familiares. Não teve muito tempo de observar estas, pois Leah já retornava da cozinha com os chás e as trufas.

-Nós, mulheres, somos melhores que os homens em muitas coisas. É triste precisar provar isto sempre, para alguns. Felizmente, Cassian-kun não é deste tipo. - ela sorriu, sentando-se na poltrona. - Estamos na 15º semana, já posso senti-lo mexer dia e noite. Vai ser uma criança agitada, como o pai. - Leah sorriu de uma forma feliz e autêntica, fazendo carinho em sua barriga. - Eu nunca tive irmãos, jamais imaginei ser mãe e na verdade sequer sei se terei jeito com crianças, mas... Estou aproveitando cada segundo desse momento. O médico diz que agora ela já pode ouvir alguns sons, talvez eu devesse fazer como você fazia com sua irmã e conversar mais com minha barriga. Lancelot faz isso melhor do que eu, não é? - o cão deu um latido baixa, em resposta, balançando o rabo.

A conversa fluía muito bem, até melhor do que Primula havia planejado. De fato, Cassian tinha um bom plano ao segerir que falasse primeiro com Leah. Contudo, mesmo com toda a gentileza da mulher, uma curiosidade lhe passava pela cabeça: por que será que ela tinha saído da Marinha? Seria pela criança? Nunca tinha pensado nisso, mas será que não havia uma espécie de licença maternidade, e por isso ela foi forçada e se retirar? De qualquer forma, estas eram perguntas para serem respondidas em outra ocasião.

Leah ouviu com atenção cada palavra de Primula, mas escondia suas expressões faciais atrás da xícara de chá. Ela vez ou outra olhava para dentro da xícara, pensativa. O vapor subiu, denso por causa da temperatura da água, e disfarçava os olhares de Leah. Com um suspiro, ela colocou a xícara em cima da mesa. Sabia que o assunto era sério, não importava o quanto Primula disfarçasse. Só não sabia exatamente porque.

-Foi há 2 meses. Roger foi capturado neste ilha, pelo vice-almirante Akira, meu esposo que, na época, era apenas um capitão. Foi promovido por isto, mesmo tendo sido um acaso encontrá-lo aqui. Akira estava de ferias, nós já morávamos neste ilha antes... - Alguns segundos de silêncio se seguiram, Leah parecia escolher bem as palavras que viriam. - Eu tinha ouvido rumores que ele estava aqui. Mas a população desta ilha, ou ao menos uma parte dela, camuflava a sua presença, e ele permanecia longe dos grandes centros e mesmo dos locais com pessoas. Estava recluso, em meio à floresta, em uma cabana simples de maneira. Estranho para o Rei dos Piratas, não? - Leah observou Primula por um momento, parecendo analisá-la co cuidado. - Estão procurando a mulher?
Ayleen G
Capa perfil : We are Hope - Página 2 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Estado Civil : Casado (a)
Idade : 29
Gif : We are Hope - Página 2 Lolgif2
Apelido : Rafa
Jogo : -
Mensagens : 169
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 DlrW64s
Cabeçalho posts : https://i.redd.it/we962gwu1nf11.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

Primula


Prim sentia um tipo de pena quando olhava para sua superior aposentada naquele contexto materno e família feliz. Não conseguia se conformar que alguém “suspeitasse” dela. Era óbvio que amava o marido! Por que faziam isso? Era degradante.

Deu uma risada quando ela mencionou as conversas que poderia ter com sua filhinha ainda no ventre e sentiu um calor afetivo por ela. Por ser mais velha, era como se fosse uma irmã ou uma mãe mesmo. Sentiu carinho por Leah e um pouco mal por ter que interrogá-la. Estava lá há poucos minutos e já estava entregue ao carinho da oficial. Agora entendia por que Cassian ficou tão nervoso ao telefone. A situação era muito desconfortável.

Além disso, também ficava uma dúvida no ar: Por que decidiu largar a marinha? Ela disse que ser mãe não era planejado, então por que abrir mão da carreira? Sentiu que tinha perdido o tempo para perguntar aquilo quando introduziu as perguntas mais importantes.

Há dois meses, Gold Roger foi capturado. A bebê tinha quase 4 meses. Poderia usar isso como um álibi para outras grávidas? Era um bom plano: descartar quem tivesse uma gravidez posterior a sua prisão ou anterior a sua chegada.

Acompanhou tão atentamente ao que ela falava que deve ter deixado transparecer sua tensão. Pareceu surpresa quando ela mencionou que o grande “rei” estava em uma cabana de madeira. Era o mesmo Gold Roger que tinha anunciado sua fortuna escondida?

Levou um susto quando a mulher foi direta em sua pergunta. Precisou ficar parada por vários segundos, segurando a xícara, para não sair revelando a verdade. Ela era muito boa como marine. E, talvez por isso, pudesse entender e perdoá-la por mentir.

Abaixou a xícara.

Empatia feminina.

Não mencionar o que está sendo realizado…

Coletar o máximo de informações que puder dela e da família, para que possamos descartá-la e provar o motivo.

Tinha que pensar em tudo isso, mas por um momento teve vontade de contar a ela e prometer que estaria a salvo. Mas e o bebê? Se ela ficasse nervosa por causa disso…

Mas espera, ela disse “mulher”. Não só sabia do que estava falando, mas era bem específica. Talvez conseguisse inverter a história. E, se ela soubesse quem era a “culpada”, poderia ficar mais fácil de inocentar as outras e ajudar a sumir com a pessoa em questão.

- Mulher? Você está dizendo que ele tinha uma mulher? - ajeitou a xícara na mesa de centro e a olhou alarmada.

Primula Rhododendron
Capa perfil : We are Hope - Página 2 86f7646e5efa3e13c092e89c33ab092a
Frase : Make the world a better place
Estado Civil : Solteiro (a)
Gif : We are Hope - Página 2 Tumblr_nli0fl3jcV1rd1hwoo1_500
Apelido : Joo Ri
Jogo : Recruta, Marine
Mensagens : 67
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 117d184a8d9ee5eb184ed6ba210e1ae2--paradise-kiss-manga-anime
Cabeçalho posts : http://static.minitokyo.net/downloads/14/02/275114.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

We are Hope

Primula foi pega totalmente de surpresa com o questionamento de Leah. É claro, como ex-marine, a mulher não era nem um pouco ingênua, e sabia que, se houvesse uma mulher de Roger, o Governo Mundial e a Marinha estariam atrás dela. Porém, Prim não sabia até que ponto Leah tinha consciência de sua missão e, mesmo que pertencesse à corporação antigamente, esta missão era recente e, pelo que Cassian havia dito, totalmente sigilosa. Em outras palavras, Leah não teria como saber da missão de Primula a não ser que alguém de dentro lhe contasse. E a recruta não queria ser essa pessoa, então sabia que deveria ter cuidado com o rumo da conversa e as palavras que diria.

Com muita calma, Primula pensou rapidamente no que fazer, tomando um gole do chá e pousando a xícara na mesa, para ganhar um tempo. Por fim, ainda que sentisse que poderia confiar em Leah, decidiu não expor a missão. Deveria manter-se tranquila para que seu ímpeto de ir até aquela casa fosse bem recompensado. Não apenas queria mostrar a Cassian que podia confiar cegamente nela, mas também provar a si mesma que servia para muito mais do que limpar o chão.

-Infelizmente eu não sei de muita coisa sobre ela... - Leah suspirou e bebeu um pequeno gole de chá. - Tudo o que sei são murmurinhos das idosas da cidade, que adoram conversar sobre a vida dos outros quando vão à feira. Aparentemente Roger veio a esta ilha há muitos anos atrás, antes de ser o Rei dos Piratas, e conheceu uma garota pelo qual de apaixonou e jamais esqueceu, por isso voltou à ela no fim... Contudo, nem mesmo as senhoras sabem de quem se trata, ou certamente já teria falado sobre. - ela olhou para Primula, trocando um olhar cúmplice. - Deve ser esperta, essa mulher. Duvido que deixe alguém saber de sua existência ou de sua relação com Roger...

Leah parou abruptamente de falar e colocou a mão na barriga. Por um momento, Prim ficou preocupada com o que pudesse ter acontecido. Contudo, Leah sorriu.

-Está chutando... Dê-me, sua mão, Primula-san. - ela pegou a mão da recrute e colocou sobre sua barriga. O bebê chutava de um jeito muito tímido, ainda devia ser bem pequeno para fazer grandes movimentos. Ainda assim, Prim podia senti-lo. Era uma sensação indescritível, e lembrava-a ainda mais a sua família. - Eu sinto saudades de ser marine, sabe. Contudo, Akira era o meu capitão, e foi errado termos nos envolvidos enquanto superior e subordinada. Não conseguimos evitar de nos apaixonarmos, e já que nenhum de nós podia evitar ficar junto do outro, eu tomei a decisão de me desligar da Marinha, antes que surgissem comentários questionando o profissionalismo de qualquer um de nós. Foi uma opção minha, Akira até mesmo sugeriu que ambos saíssemos, mas o contive por um tempo. Quando descobrimos da gravidez, ele logo providenciou os papéis para seu desligamento. Veio me encontrar antes de ir até o quartel ao qual estava ligado, então... Roger se entregou, e tudo mudou.

_________________
We are Hope - Página 2 Tumblr_php21vVR3d1xg13hmo1_500
Ayleen G
Capa perfil : We are Hope - Página 2 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Estado Civil : Casado (a)
Idade : 29
Gif : We are Hope - Página 2 Lolgif2
Apelido : Rafa
Jogo : -
Mensagens : 169
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 DlrW64s
Cabeçalho posts : https://i.redd.it/we962gwu1nf11.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

Primula


A honestidade de Leah abalava um pouco as estruturas de Prim. Sua inexperiência a fez ouvir o relato dela sobre a mulher de Gold Roger quase que boquiaberta. Sentia o coração acelerar pela existência verdadeira de uma amante do rei dos piratas, um risco real de se deparar com uma. O lado bom disso é que não precisava parecer convincente, quando realmente estava surpresa.

A ex-marine lhe dava mais uma pista: as idosas da cidade. Teria que conversar com as filhas delas provavelmente, então acabaria investigando por ali, mas a ideia logo foi apagada pelo jeito que ela lhe contou.

- Não acredito! -  murmurou para não interrompê-la. Mas nunca tinha pensando em Gold Roger como um homem comum por trás do título de pirata. -  Ele… O Rei dos Piratas…apaixonado? - indagou, surpresa. Achava mesmo que era um tipo de invenção do governo, uma caça às bruxas paranóica.

Observou bem aquele olhar dela que estava tentando lhe dizer alguma coisa… Não. Tinha conseguido dizer perfeitamente: ela sabia o que ela estava tentando dizer, mas estava sendo gentil. Ficou mais surpresa nesse momento, corando de leve, porque sentiu-se pega, mas logo o foco foi desviado.

-  Está tudo bem? - perguntou, preocupada e se aproximou dela, no momento seguinte olhou-a com alívio e surpresa, estendendo-lhe a mão.

Ao primeiro toque, seu rosto se transformou, e ela deu um sorriso sincero e meigo, conforme sentia uma nostalgia e grande carinho pelo bebê.

- Ah, está dando olá! - comemorou, sorrindo para ela.

Ouviu atenta às últimas revelações e balançou a cabeça, concordando. Então era por isso que ela tinha deixado a marinha. Assim que descobriu da gravidez ele também quis deixar seu posto. Hoje estava grávida de 15 semanas, quase 4 meses. Gold Roger se entregou há 2 meses, quando o bebê também tinha 2 meses. Na época, o vice-almirante estava de férias e foi promovido por isso.

- E ...Você se lembra desse dia? Por que será que ele se entregou? Por acaso ele disse algo ao vice-almirante e ele comentou algo com você? -estava mesmo interessada naquela história.

- Imagino que deve ser solitário para você aqui sem o seu marido por perto… Veja, eu... -  levou a mão ao peito. -  Falo isso não como recruta, mas como uma amiga. Por favor, me chame quando precisar, senhora Leah. Se o almirante não estiver aqui para atendê-la, eu com certeza virei ajudá-la. Ainda faltam meses, mas pode contar comigo para o que precisarem! Com certeza!  - prometeu.

-  E … - aquele gesto instigou sua sinceridade. -  Eu sinto que pode me entender quando digo que mesmo ouvindo isso eu não quero prender a mulher. Porque acredito que ninguém pode ser punido por amar ninguém. E um bebê  não pode ser culpado pelos crimes de seu pai! - falou de uma forma um pouco mais apaixonada. -  Por isso, senhora Leah, se por acaso achar que sabe quem é essa mulher, diga a ela que não corre perigo comigo. Eu quero que ela viva e faça dessa criança alguém bondoso e amoroso, que siga um bom caminho!

Primula Rhododendron
Capa perfil : We are Hope - Página 2 86f7646e5efa3e13c092e89c33ab092a
Frase : Make the world a better place
Estado Civil : Solteiro (a)
Gif : We are Hope - Página 2 Tumblr_nli0fl3jcV1rd1hwoo1_500
Apelido : Joo Ri
Jogo : Recruta, Marine
Mensagens : 67
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 117d184a8d9ee5eb184ed6ba210e1ae2--paradise-kiss-manga-anime
Cabeçalho posts : http://static.minitokyo.net/downloads/14/02/275114.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

We are Hope

Ao ouvir o que Primula dizia, Leah deu um longo suspiro, bebeu o restante do seu chá e voltou a encher a caneca com mais conteúdo do bule. O cachorro estava deitado confortavelmente em seus pés, abanando vez ou outra o rabo, mas estava tão sonolento que pouco reagia às vozes das duas. A ex-marine não pode deixar de sorrir com a presteza da outra, sabia que era sincera no que dizia, e era bom ter uma nova amiga com quem contar, em uma ilha relativamente nova para ela e a criança. Ainda mais quando esta nova amiga fazia parte da Marinha.

-Então é mesmo verdade os rumores sobre ela estar grávida... - disse ela pensativa, girando a colher dentro da xícara, para esfriar o chá mais depressa. Ela ficou alguns segundos olhando para o chá, e então voltou a olhar para Primula. - Roger ia morrer de qualquer jeito, estava doente. Akira diz que o fez para parar com toda a perseguição de quem convivia com ele. Eu acredito que havia outro motivo, mas não sei dizer qual... - Leah tomou um gole do chá e sorriu para Prim quando esta disse quais os planos para o bebê de Gold Roger. - Você é mesmo uma boa pessoa, Primula, sinto que posso confiar em você. Infelizmente não sei quem é a mulher, se descobrir direi para procurá-la. Mas, se quer uma dica, eu começaria procurando mulheres grávidas fora das cidades, pois ouvi dizer que a garota é, de fato, muito reclusa.

A tarde seguiu com conversas mais amenas, Primula pode conhecer mais a ex-marine, e descobriu coisas interessantes sobre sua vida na corporação, e mesmo de Cassian. Leah era exímia atiradora e, como tenente-comandante, era responsável por organizar as tropas de ataque à distância. Akira foi seu capitão e superior durante sua última promoção na Marinha, e o caso de ambos começou quando Leah foi quase morta ao tentar salvá-lo de piratas que haviam abordado o seu navio em alto-mar. Já Cassian era apenas um recruta quando isto aconteceu, mas era tão confiável que tanto Akira quanto Leah o tinham em alta consideração, o guiando por suas promoções até a atual patente. Fora ele que pediu transferência para a base em Baterilla, provavelmente porque queria garantir a segurança da amiga enquanto o vice-almirante estivesse distante.

Rindo, Leah contou que Cassian era conhecido por ser um excelente dançarino, e durante comemorações das tropas após as batalhas, ele soltava um pouco esse dom, após alguns copos de sake. Porém, quando o número de mulheres na Marinha aumentou, também começou o assédio para cima dele, o que o fez reprimir sua paixão por dança. Enquanto conversavam, alguns passarinhos enxeridos entraram para tentar fazer ninho na cabeça de Primula e, com isto, Leah descobriu sobre a sua curiosa akuma. Por fim, quando o sol estava se pondo e o chá já havia esfriado, a recruta sentiu que era hora de se despedir. Antes de ir, porém, Leah tinha mais uma revelação a fazer.

-Antes de ir, Primula-san, gostaria de lhe deixar com uma reflexão sobre o Rei dos Piratas. Seu nome verdadeiro é Gol D. Roger, não Gold como é amplamente divulgado, o que o deixava mesmo chateado. Há muita curiosidade acerca dessa letra e da chamada "Vontade D.", e o mistério é tanto que poucas pessoas sabem explicar o que significa. Além disso, o Governo Mundial também faz questão de dizer que foi a Marinha que o capturou, não que ele tenha se entregado. Akira teve muitas brigas internas por essa questão, mas essa mentira continua sendo amplamente divulgada, e ele sente que se beneficiou dela mesmo sem querer. Eu não estou lhe dando respostas, Primula-san, não fique frustrada. Porém, no meu caminho como marine eu descobri que o poder que temos pode nos cegas para algumas coisas. Você é uma boa pessoa, como já disse, sei que irá atrás de executar a verdadeira justiça. Não se deixe deslumbrar pelas recompensas do Governo Mundial. Questione-se, sempre.

_________________
We are Hope - Página 2 Tumblr_php21vVR3d1xg13hmo1_500
Ayleen G
Capa perfil : We are Hope - Página 2 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Estado Civil : Casado (a)
Idade : 29
Gif : We are Hope - Página 2 Lolgif2
Apelido : Rafa
Jogo : -
Mensagens : 169
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 DlrW64s
Cabeçalho posts : https://i.redd.it/we962gwu1nf11.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

Primula


Primula abaixou a cabeça, tendo que concordar com a informação que ela mesma vazou. Tinha um fraco por pessoas que emanavam aquela bondade, mas o que ela disse a seguir a deixou muito surpresa.

-  Ele estava doente??? -  abriu a boca e piscou várias vezes. O que será que tinha deixado Gold Roger doente? Uma batalha?  Uma doença dos mares perigosos? Mas não era só isso o impressionante. - E se entregou para…. proteger?  -  deixou a voz abaixar, porque não acreditava que um ser vil como um pirata faria isso com ninguém! Mas então por que parecia tão verdadeiro?

Bebeu o último gole de seu chá, pensativa. Tinha que admitir que, se fosse isso mesmo, era um tanto nobre querer se sacrificar por seus nakama. Mas duvidava disso! Um pirata não era assim. Devia ter um outro motivo. Mesmo assim, era um tanto triste pensar que assim que ele se entregou, qualquer um relacionado a ele começou a ser caçado. Aqueles que tinham cometido crimes ela entendia, mas a moça…

Sua superior lhe deu uma dica e os olhos dela brilharam.

-  Muito obrigada, Leah-san. - reverenciou de leve.
-  E por favor, não se esqueça mesmo de me chamar se precisar de algo


Ou se, de repente, alguém resolvesse incriminá-la sem que ela soubesse…

Tinha um extenso relatório para escrever quando voltasse.  

Logo aquela casa perdeu o clima tenso acerca do pirata e começou a encher-se de memórias. Depois de ser atacada pelos pássaros e quase quebrar a xícara com o chilique dado, Prim contou por que quis ser da marinha, disse que foi sequestrada quando criança, e que comeu um fruto por acidente. Disse que gostava de atirar, mas que sua vontade mesmo era parar de limpar o chão e começar a fazer algo emocionante. Riu e quis saber mais sobre o misterioso Cassian e mostrou admiração por ele. Ficou impressionada com a história de Leah e Akira. O amor deles parecia muito forte e ela pontuou isso.  Passou a olhar a loira com o mesmo tipo de admiração, mesmo que ela tivesse deixado a coorporação. Um dia gostaria de ser assim também.

Bem relaxada, a marine não imaginava que ela teria ainda mais uma revelação para ser feita.

- Vontade D… - repetiu, confusa.
- … Eu entendo o que está tentando me dizer… Mas acho que eu  preciso ver mais. Seria devastador aceitar a possibilidade de estar errada sobre isso. Sobre nós… A Marinha.... O Governo...  Então… Quero acreditar. E quero ser o tipo de profissional que eu achava que éramos quando era criança. Quero tentar ser boa, Leah-san. E se um dia achar que algo mudou, quero que me diga. Por favor - reverenciou mais uma vez.


- Obrigada por hoje. Foi muito, muito agradável. Um dia vou retribuir seu chá com as deliciosas ervas da minha terra natal!

Com um sorriso e um aceno, Primula deixou a casa de Leah. Ainda que quisesse continuar procurando, precisava voltar e escrever sobre tudo. Seria um relatório para Cassian, contando que Leah estava grávida de 15 semanas, quase 4 meses. Que Akira foi quem o encontrou, e que Gol D. Roger se entregou por vontade própria. Disse que a verdadeira mulher estaria vivendo longe da cidade, reclusa, pois o rei dos piratas vivia de forma simples longe dos moradores.

Escreveu cada detalhe que se lembrava daquela conversa à luz da lamparina em seu quarto. Depois disso, dormiu com o papel debaixo de suas coisas. No dia seguinte, iria para seu escritório assim que possível e depois deveria procurar pela garota.


[/color][/color]

Primula Rhododendron
Capa perfil : We are Hope - Página 2 86f7646e5efa3e13c092e89c33ab092a
Frase : Make the world a better place
Estado Civil : Solteiro (a)
Gif : We are Hope - Página 2 Tumblr_nli0fl3jcV1rd1hwoo1_500
Apelido : Joo Ri
Jogo : Recruta, Marine
Mensagens : 67
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 117d184a8d9ee5eb184ed6ba210e1ae2--paradise-kiss-manga-anime
Cabeçalho posts : http://static.minitokyo.net/downloads/14/02/275114.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

We are Hope

-Há pessoas boas e ruins em todos os lugares. Na Marinha e no Governo Mundial não é diferente. Se você buscar cumprir seu dever sem esquecer dessa bondade que aprendeu quando era pequena vai conseguir o que buscar e orgulhar a si mesma. Vou aguardar suas visitas, é bom ter uma companhia tão agradável. - ela sorriu de uma forma muito maternal, o que confortou Prim de certa forma. Ela tinha razão. Talvez tivesse sido ingênua ao pensar que todos os marines eram bons e gentis, verdadeiros heróis, esqueceu-se da parte humana, quem sabe um pouco devido à sua criação, já que seus pais sempre protegeram ela e as irmãs da melhor maneira que podiam das maldades do mundo. Podia ser ingênua nesse sentido, mas não era boba. Conseguia aprender com isto.

O sol já tinha praticamente se posto quando Primula chegou ao quartel general, indo direto para seu quarto. Não iria descansar, contudo. Assim que chegou, começou a organizar os papéis, o tinteiro e a pena para começar o seu relatório. Apesar do quarto possuir duas camas, o que indicaria que era um local compartilhado, Primula ainda estava sozinha nele, já que não havia outras mulheres naquele quartel por enquanto. Era bom, pois tinha privacidade quando precisava dela, como nesta situação dos relatórios.

Não saberia dizer quanto tempo havia passado escrevendo cada detalhe dos dados que havia coletado e do que havia descoberto sobre a suposta mulher de Roger até então. Teve o cuidado de colocar tudo o que poderia excluir Leah de ser uma das "suspeitas", e também indicar onde a tal moça deveria estar. Quando deu por si, acordou com a cara em cima dos papéis, as costas doendo levemente por causa da posição que havia dormido, debruçada sobre a mesa. Já era de manhã e, embora sentisse que tinha dormido pouco, seu sono havia sido tão pesado que ela se sentiu revigorada. Talvez também fosse o efeito da ansiedade que sentia para terminar aquela tarefa e fazer tudo com perfeição.

Pretendia ir para o escritório de Cassian, mas seu estômago reclamava muito, afinal, não havia jantado e nem tomado o café da manhã. Tinha a opção de fazer uma refeição rápida, pegando uma espécie de ração na cozinha, ou então também poderia comer de um modo mais decente no refeitório. Às terças (dia atual) e às quintas-feiras pela manhã costumavam ter o treinamento de tiro ao alvo, o qual Primula gostava muito. No dia anterior tudo o que tinah que fazer era treinar e limpar, e agora estava com tantas opções que até se sentia um pouco confusa.

Sentindo a urgência da situação, ela reuniu os papéis que havia escrito e rumou para o escritório. Bateu à porta e a abriu, mas Cassian não estava lá. Com alegria (e até um pouco eufórica), percebeu que agora haviam duas mesas na sala, uma delas tinha as indicações do seu nome. Tinha uma mesa só para ela, junto com o tenente-comandante! Cassin podia ser daquele jeito todo bondoso e acessível, mas ainda era o segundo em comando no quartel, então aquela mesa certamente significava prestígio para ela.

_________________
We are Hope - Página 2 Tumblr_php21vVR3d1xg13hmo1_500
Ayleen G
Capa perfil : We are Hope - Página 2 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Estado Civil : Casado (a)
Idade : 29
Gif : We are Hope - Página 2 Lolgif2
Apelido : Rafa
Jogo : -
Mensagens : 169
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 DlrW64s
Cabeçalho posts : https://i.redd.it/we962gwu1nf11.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

Primula


Prim nem percebeu quando caiu no sono. Estava tão compenetrada em seu trabalho que em determinado momento não sabia se tinha sonhado com o encontro e os conselhos de Leah ou se tinha sido um sonho.

Acordou com o rosto amassado e deu um grito dentro do cômodo, porque provavelmente estaria com olheiras enormes. Ela talvez fosse a única marine ali dentro que possuía uma vaidade tão grande e um estoque de maquiagem quase tão importante quanto seu rifle. Pipocou pancake no rosto e ajeitou os cabelos para visitar seu chefe.

Porém, sua barriga roncou alto e ela ficou até com vergonha, lembrando-se do fato de que jantou chá e trufas na casa de Leah. Mal viu o tempo passando. Enrolou o pergaminho de relatório na cintura e planejava tomar um café da manhã bem decente e generoso no refeitório, porque merecia por ter faltado ao jantar.

Mas primeiro, as obrigações!

Passou no escritório de Cassian e abriu os olhões de surpresa ao notar que havia uma mesa com seu nome. Ela circulou a mesa, releu seu nome, deu gritinhos e sapateou lá dentro.
Será que seus dias de limpeza tinham acabado?

Ela posicionou o relatório em uma gaveta de sua mesa e o trancou com chave. Pensou que o encontraria ali, mas como não foi o caso, poderia fingir surpresa quando aparecesse lá pela segunda vez, não é?

Já estava imaginando como decoraria aquela mesa. Uma mesa de prestígio!!!! Como não tinha ninguém, fez uma dancinha da vitória, e deu um largo sorriso, guardando a chave consigo.

Deu um sorrisinho e saiu da sala, fechando-a atrás de si. O dia estava esplendoroso!! Passou na recepção e pegou um exemplar do jornal para ler enquanto comia. Tinha aprendido no dia anterior que era uma parte importante do seu trabalho.

Não se importava de ficar sozinha, embora fosse uma criatura sociável, achava que aquelas pessoas olhavam muito torto para ela, e sentia que estava em uma missão secreta que aquela gente não poderia entender. Nem precisava que entendessem. ELA TINHA UMA MESA, ERA ISSO MESMO?

Ela ficava a todo momento procurando o tenente-comandante no refeitório, para saber o momento certo de ir até a sala dela. Pretendia fazer isso antes da aula de tiro, mas sem dúvidas estava muito mais ansiosa para falar da conversa para seu superior, que era TÃO TÃO maravilhoso!!!

Primula Rhododendron
Capa perfil : We are Hope - Página 2 86f7646e5efa3e13c092e89c33ab092a
Frase : Make the world a better place
Estado Civil : Solteiro (a)
Gif : We are Hope - Página 2 Tumblr_nli0fl3jcV1rd1hwoo1_500
Apelido : Joo Ri
Jogo : Recruta, Marine
Mensagens : 67
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 117d184a8d9ee5eb184ed6ba210e1ae2--paradise-kiss-manga-anime
Cabeçalho posts : http://static.minitokyo.net/downloads/14/02/275114.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

We are Hope

Saber daquela novidade logo cedo de manhã foi a coisa mais maravilhosa que poderia ter acontecido no dia de Primula. Não se contendo com a empolgação, ela vasculhou a mesa, lendo seu nome com atenção, em seguida dando gritinhos e saltinhos de felicidade. Tudo indicava que, de fato, os dias de limpeza tinham acabado. E, honestamente, quem teria tempo pra limpar com uma missão tão importante como a dela? Primula se sentia orgulhosa, ao mesmo tempo que, pela primeira vez, sabia que faria diferença na Marinha.

Uma das gavetas de sua escrivaninha tinha chave, e foi lá que ela colocou o relatório que queria mostrar para Cassian. A sala era grande o suficiente para acomodar as duas mesas, os armários, e mais dois sofás e uma mesa baixa, para receber convidados, ou simplesmente ficar sentado de modo confortável para ler alguma coisa. Fora algumas plantas espalhadas, a sala em si não parecia ter nenhuma decoração feita por Cassian, talvez ele não tivesse tempo, ou apenas não tinha jeito par isso. É claro que seria um trabalho para ela, que faria com muito gosto! Não só na sua mesa, mas em todo o escritório, deixaria tudo lindo e perfeito!

Pensando nisso, ela saiu da sala em direção ao refeitório, mas não sem antes passar na recepção e pegar um exemplar do Jornal do Oceano. Não havia nenhuma notícia relacionada a Gol D. Roger ou alguém de seu convívio, mas a capa estava estampada com a imagem de um navio pirata, cuja tripulação havia atacado um porto de uma pequena vila de pescadores do East Blue, levando tudo o que os moradores tinham de valor (inclusive comida e água). Haviam outras notícias, mas nada que chamasse grande atenção, teria que ler com mais calma se quisesse as minúcias das novidades mundiais. Além do jornal, também havia novos cartazes de recompensa. Não paravam de aparecer piratas novos, cada dia mais e mais.

Chegando no refeitório, logo avistou Cassian em uma mesa, acompanhado de outros três oficiais da base. O capitão Aerys não parecia estar entre eles, pois não o conhecia, e todos os que estavam sentados com o tenente-comandante já tinha avistado vez ou outra nos poucos dias em que ali estava. Eram de patente mais baixa que Cassian, mas ainda assim superiores à ela. Primula ficou na dúvida se deveria ou não se aproximar deles, mas antes que decidisse isso, Cassian percebeu sua presença e acenou para ela, fazendo um sinal para que se aproximasse.

-Bom dia Primula-san! Dormiu bem? Pegue algo para comer e venha sentar conosco! - ele abriu um largo sorriso, embora os outros oficiais olhassem entre si. Ninguém iria questionar a sua autoridade, é claro, mas não estavam acostumados a se sentar com recrutas desde... Bem, desde que eles próprios foram recrutas. Cassian não parecia sequer se importar com o que eles pensavam. Assim que ela retornou, ele abriu espaço para que sentasse ao seu lado. - Primula-san, estes são o tenente Kylie (CLICK), segundo-tenente Hill (CLICK) e segundo-tenente Minato (CLICK). - eles murmuraram algumas palavras de "bom dia" e "prazer", mas nenhum parecia muito interessado em puxar um assunto. Ou talvez fosse porque Cassian não deixava oportunidade para falarem, pois logo em seguida emendou: - Hoje o capitão Aerys retorna à base, e parece que traz alguns prisioneiros. O problema é que não sabemos quantos serão, e se vão caber nas celas que temos por enquanto nessa base. Provavelmente terão que ser transferidos ou liberados. Enfim, isso termos que lidar mais tarde. Como você está, Primula-san?


Off:
Aqui uma imagem mais ou menos como é o escritório: CLICK. A tua mesa fica na esquerda, perto da planta, virada de costas para a parede, onde estão os armários suspensos: CLICK. Não uma perfeição de imagem, mas preferi mandar alguma coisa pra melhorar a descrição xD Ignore as partes "futuristas" hehehehe

_________________
We are Hope - Página 2 Tumblr_php21vVR3d1xg13hmo1_500
Ayleen G
Capa perfil : We are Hope - Página 2 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Estado Civil : Casado (a)
Idade : 29
Gif : We are Hope - Página 2 Lolgif2
Apelido : Rafa
Jogo : -
Mensagens : 169
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 DlrW64s
Cabeçalho posts : https://i.redd.it/we962gwu1nf11.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

Primula


Notícias como aquela deixavam Primula irritada, ela rangeu os dentes quando viu a maldade que os piratas tinham feito levando até a água das pessoas! Ela não conseguia aceitar esses dias duros de pirataria motivados por um homem que podia até não ser TÃO ruim assim, mas agora estavam com esse problema aumentando! Problemas esses que estavam estampados naqueles cartazes. Era revoltante. Mesmo que quisesse, Prim não conseguiria decorar todos os rostos, e isso era frustrante. Sentia que não poderia caçar todos. Em vez de procurarem mulheres herdeiras de Gol D. Roger, por que eles não se preocupavam com aqueles criminosos?

Ela chegou ao refeitório, estava pronta para ficar só, mas ao avistar o tenente-comandante, seu coração até acelerou um pouco de ansiedade, porque queria sair correndo e falar de todas as novidades que ouviu e como sua mesinha, SUA mesinha, foi vista, aprovada e.. CLARO que significava que ela não limparia mais, hm?

Sentindo-se importante quando, além de tudo, ele ACENOU PARA EL com casualidade, ela caminhou com confiança recobrada até a mesa e deu um sorriso para todos ali, mas não conseguia conter o brilho nos olhos de quem queria bater um papo com seu superior.

Olhou meio confusa, mas como ele tinha pedido para se aproximar, achou que podia sentar-se.  Assentiu e foi buscar comida antes de voltar ao grupo.

Com algum cuidado, olhou cada um daqueles homens que lhe davam um pouco de arrepio, por serem de cargo mais alto. Mas agora tinha a referência de Leah-san, uma mulher íntegra e forte!

Foi só ele mencionar os nomes dos superiores, que ela prestou continência. Era claramente uma novata apaixonada pelo trabalho.

- MEU NOME É PRIMULA RHODODENDRON, SENHORES  - apresentou-se oficialmente, até que dessem permissão para relaxar.

 - Prisioneiros??? Quem são????    - abriu a boca super curiosa, como se estivesse fazendo fofoca. Ela se corrigiu logo, ficando em postura.

 - Eu estou bem, tenente-comandante! Será que podemos conversar  antes do treino de artilharia? Avancei naquela tarefa    - os olhinhos brilharam naquele instante, de ansiedade.
Primula Rhododendron
Capa perfil : We are Hope - Página 2 86f7646e5efa3e13c092e89c33ab092a
Frase : Make the world a better place
Estado Civil : Solteiro (a)
Gif : We are Hope - Página 2 Tumblr_nli0fl3jcV1rd1hwoo1_500
Apelido : Joo Ri
Jogo : Recruta, Marine
Mensagens : 67
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 117d184a8d9ee5eb184ed6ba210e1ae2--paradise-kiss-manga-anime
Cabeçalho posts : http://static.minitokyo.net/downloads/14/02/275114.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

We are Hope

Ainda era estranho e entusiasmante estar, finalmente, sendo reconhecida dentro da Marinha por uma forma diferente de "a menina da limpeza". Ainda que tivesse sido advertida por seu pai de que a carreira militar era longa e penosa, Prim não era acostumada a esperar por algo que quisesse, ainda mais quando dedicava toda a sua força de vontade para isto. Demorou quase um mês, mas finalmente o tenente-comandante Cassian notou que ela poderia ser bem mais que uma simples recruta.

Animada, ela atendeu o chamado de Cassian e foi até a mesa, sendo apresentada para os outros oficiais que ali estavam. Prim sequer sentou-se, ainda agia de maneira formal sempre que encontrava alguém com patente mais alta, como mandava o protocolo. Claro que, no último dia, Cassian deu mais liberdade para que ela o visse de maneira menos formal, mas não era o caso com os outros três. Ela bateu continência e os cumprimentos, se apresentando de forma vívida.

-É aquela que estavam chamando de Rodo? - foi Minato que fez a piada, colocando a mão na boca, tentando segurar o riso. Os outros dois mal deram um sorriso. Primula lembrava bem daquela apelido: a deram por causa de suas tarefas em semelhança com o início do sobrenome... Mas antes que pudesse sequer corar, Cassian vinha em seu auxílio.

-Minato-san já começou a carreira combatendo piratas, não é? Ainda ontem lavava pratos sujos na cozinha, essa é a verdade. - Ele, Kylie e Hill riram do colega, e até mesmo ele não conteve o riso. Não pareciam se importar com o passado e, agora que Primula podia prestar um pouco mais de atenção, percebia que todos já tinham passado pelo mesmo que ela. Isso tirava qualquer moral de importuná-la. Contudo, o assunto morreu e voltou para a chegada do capitão Aerys e dos prisioneiros. Foi Hill quem respondeu a pergunta de Prim.

-Uns piratas do Bando Vermelho, o capitão fugiu ao afundar um dos navios da Marinha. Os tripulantes capturados ficaram para trás, em outro navio que já estava meio destruído. Esse tal de Ben é forte e esperto, conseguiu até mesmo fugir de um capitão... - Hill apontou para o jornal e os cartazes na mão de Prim. - Parece que ele teve a recompensa aumentada hoje. - Primula não havia se atentado muito nos cartazes de procurado, simplesmente por não ter tido tempo suficiente para analisá-los, mas talvez fosse bom dar uma olhada com atenção mais cedo ou mais tarde. Contudo, primeiro precisava fazer um pedido particular para Cassian, que comia seu café da manhã daquele jeito preguiçoso costumeiro.

-Oh, sim, é claro. Podemos ir para nossa sala assim que terminarmos o desjejum. Tenho algum tempo livre antes da chegada do capitão Aerys.
- ele sorriu para ela e, caso não tivesse mais nada para falar, eles terminariam o café da manhã sem outros assuntos mais pertinentes, e logo seguiriam para a sala conjunta, onde Prim poderia apresentar o seu primeiro relatório. Em sua mesa <3

_________________
We are Hope - Página 2 Tumblr_php21vVR3d1xg13hmo1_500
Ayleen G
Capa perfil : We are Hope - Página 2 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Estado Civil : Casado (a)
Idade : 29
Gif : We are Hope - Página 2 Lolgif2
Apelido : Rafa
Jogo : -
Mensagens : 169
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 DlrW64s
Cabeçalho posts : https://i.redd.it/we962gwu1nf11.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

Primula


RODO?

RODO?

RO.DO???

O nome da família RODOdendron pisoteada daquele jeito!! Era a primeira de seu nome a passar por uma humilhação daquelas.

O queixo de Prim caiu e ela não escondeu os olhos loucos e veiudos de raiva, que tentavam conter a explosão. Cerrou os punhos e mordeu o lábio inferior, tremendo inteirinha pela provocação estúpida. Queria mandá-lo calar a boca. Mas era um superior!

Toda aquela ansiedade foi desfeita por seu salvador: o sempre legal Cassian. Seu coração amoleceu na hora e a expressão atenuou. Ela o observou com admiração. Ele era tão incrível e especial naquele meio! Apreciou o gesto, e sentiu até mesmo o peito esquentar.

Olhou o riso dos superiores e sentiu-se aliviada, até um pouco boba por se irritar - mas ainda era uma rica orgulhosa, lá no fundo.  Todos eles tinham feito o mesmo trabalho que ela… Era difícil de acreditar. Ela olhou cada cantinho da roupa deles e de sua postura. Será que poderia se tornar uma pessoa importante, com patente alta e sair mandando em todo mundo também?

 - Típico de um pirata   - franziu o nariz. Bando de patifes. Fugindo e largando seus companheiros para trás. Por um momento lembrou-se de Gol D. Roger, que aparentemente tinha tentado protegê-los. Seria verdade?

 - Ah!! C-c-claro claro! - deu um sorriso largo.

O capitão Cassian era sua pessoa favorita lá dentro e sem perceber, estava começando a gostar dele.

Quando terminaram o café da manhã, ela estava mais animada que antes. Queria logo chegar perto de sua mesinha. Enquanto caminhavam para a sala dele, achou que faria por bem de agradecer.

 -  Obrigada por me defender mais cedo. - fez um bico.  -  Eu vim de uma família importante!!! Isso nunca aconteceu comigo - reclamou, mostrando o quanto ainda tinha para crescer ali dentro.


Ao chegarem, ela fingiu surpresa, botando as mãos no rosto.

 - TENENTE COMANDANTE, MAS O QUE É ISSO???- saiu rodeando sua mesa.  - É  UMA MESA PRA MIM? POR QUE SERIA PRA MIM? CLARO QUE É PRA MIM. EU NÃO TINHA VISTO ANTES, CLARO QUE NÃO - fez um carinho na madeira enquanto seus olhos formavam corações.

 - AH AH AH a propósito... O RELATÓRIO - ela abriu a gavetinha, desfazendo qualquer possibilidade de ele acreditar que ela não tinha estado ali antes, e estendeu o pergaminho para ele [/color]

Primula Rhododendron
Capa perfil : We are Hope - Página 2 86f7646e5efa3e13c092e89c33ab092a
Frase : Make the world a better place
Estado Civil : Solteiro (a)
Gif : We are Hope - Página 2 Tumblr_nli0fl3jcV1rd1hwoo1_500
Apelido : Joo Ri
Jogo : Recruta, Marine
Mensagens : 67
Avatar perfil : We are Hope - Página 2 117d184a8d9ee5eb184ed6ba210e1ae2--paradise-kiss-manga-anime
Cabeçalho posts : http://static.minitokyo.net/downloads/14/02/275114.jpg
Ver perfil do usuário
One Piece

Voltar ao Topo Ir em baixo

We are Hope - Página 2 Grey-wallpaper-miscellaneous_dark_loneliness_grey
Conteúdo patrocinado
Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum