Elysium Fields

O Elysium Fields foi fundado em Fevereiro de 2018, com o intuito de ser um jogo entre amigos, mas cresceu para se tornar não um único jogo RPG, mas vários. Desta forma, pode encontrar um jogo para jogar, ou narrar o seu próprio jogo, com as suas regras. A maioria dos nossos jogos são guiados por um narrador, que começa a história, desenvolve, e dá um fim à mesma. Os jogadores são os seus personagens principais.
Joo Ri
Hae Shin
Ji Yeon

Moderação

Últimos assuntos
» You’ve been dreaming of a monster
por Raron Hoje à(s) 7:53 am

» Outros
por The Village Ontem à(s) 9:10 pm

» Lojas Locais
por The Village Ontem à(s) 8:18 pm

» Capítulo 3 - Festival de Primavera
por Joseon RPG Ontem à(s) 7:26 pm

» 02. Date Night
por Kwon Young Jae Ontem à(s) 1:58 pm

» Jun Sun e Tulipay: Awaken
por Nang Eun Kyung Ontem à(s) 1:17 pm

» Mortal Genesis
por Kye Jin Sang Ontem à(s) 4:48 am

» Gyuri: 04. A Princess is Born
por Nam Gyuri Ter Set 17, 2019 10:00 pm

» 02. Yes or Yes
por Shin Jaejin Ter Set 17, 2019 3:30 pm

» Ong: 03. Picture in my head
por Ong Joo Heon Ter Set 17, 2019 1:28 am

» Luna: 03. PaintMe
por Luna Minn Seg Set 16, 2019 11:34 pm

» Jeon Nayoung's Song
por Starry Night Seg Set 16, 2019 7:44 pm

» Klaham Chaiyasan's Song
por Starry Night Seg Set 16, 2019 7:43 pm

» Song Hyemi
por The Village Seg Set 16, 2019 4:03 pm

» Kang Ujin
por The Village Seg Set 16, 2019 3:53 pm

» Ok Beom Seok
por The Village Seg Set 16, 2019 1:22 pm

» Myeong Bokgu
por The Village Seg Set 16, 2019 12:14 pm

» Ahn Yura
por The Village Seg Set 16, 2019 11:49 am

» Hong Seo Ri
por The Village Seg Set 16, 2019 11:33 am

» Kim Hyomin
por The Village Dom Set 15, 2019 11:23 pm

» Soo Kyung Suk
por The Village Dom Set 15, 2019 10:45 pm

» PLANTÃO SN: Salto temporal, desafio da Nari e muito mais...
por Klaham Chaiyasan Dom Set 15, 2019 6:00 pm

» Teste de TPTs
por Klaham Chaiyasan Dom Set 15, 2019 5:47 pm

» 02. Clap Your Hands
por The Crown RPG Dom Set 15, 2019 4:41 pm

» All sink or swim
por Ayleen G Dom Set 15, 2019 10:00 am

» Nari e Suwon: 03. Gossip
por Park Nari Sab Set 14, 2019 9:21 pm

» Cena Coletiva 01: Into The Deep Blue
por Kang Seung Hee Sab Set 14, 2019 5:10 pm

» @chae.kim
por Kim Chaeyeong Sab Set 14, 2019 12:59 am

» 02. Don't Mess Up My Tempo
por Son Ilgook Sex Set 13, 2019 11:34 pm

» Shin Woo Hyun
por The Village Qui Set 12, 2019 9:57 pm

» O Registro
por Ok Beom Seok Qui Set 12, 2019 2:37 pm

» Off-Chat
por Hae Shin Qui Set 12, 2019 1:36 pm

» INSCRIÇÕES
por Lee Su-ji Qui Set 12, 2019 1:26 pm

» Somin: 03. Interlude
por Starry Night Qui Set 12, 2019 2:49 am

» Tori: 03. Me Fisrt
por Starry Night Qui Set 12, 2019 2:32 am

» Game of Survival
por Ayleen G Qua Set 11, 2019 10:08 am

» [DADOS] Onde estrelas nascem ou morrem
por Jeon Nayoung Qua Set 11, 2019 12:50 am

» Capítulo 2 - Velhos conhecidos
por Jeong Sae Rin Ter Set 10, 2019 11:51 pm

» Capítulo 2 - Noivado
por Joseon RPG Ter Set 10, 2019 5:35 pm

» Capítulo 2 - A família real
por Joseon RPG Ter Set 10, 2019 5:19 pm

» The Heirs: Primeiras impressões
por The Crown RPG Ter Set 10, 2019 1:37 am

» Doce Setembro: O Adeus do Crown.
por The Crown RPG Ter Set 10, 2019 12:41 am

» @itswowls
por Shin Jaejin Seg Set 09, 2019 7:59 pm

» @mustlovepetz
por Kwon Soo Jin Seg Set 09, 2019 4:56 pm

» NPCs
por Joseon RPG Dom Set 08, 2019 12:17 pm

» Park Nari's Song
por Park Nari Sab Set 07, 2019 11:10 pm

» Gong Suwon's Song
por Gong Suwon Sab Set 07, 2019 9:22 pm

» Bares e Restaurantes
por The Village Sab Set 07, 2019 7:54 pm

» Park Jun Sun's Song
por Park Jun Sun Sab Set 07, 2019 5:58 pm

» DISTRIBUIÇÃO E GASTO DE XP
por Luna Minn Sab Set 07, 2019 10:04 am

Conectar-se

Esqueci minha senha

Recursos Gráficos

Parceiros

Créditos

A skin foi totalmente criada pela Ross (Ji Yeon), para uso exclusivo no Elysium Fields. A designer agradece à Persephone (Hae Shin) e à Luxi (Joo Ri) pela paciência para a aturar, a Flerex pelos códigos de cores e campos de perfil que tornaram tudo mais fácil e a FontAwesome pelos ícones. Os gráficos para imagens foram obtidas do Google e editadas pela Ross. As tramas são criações originais e de responsabilidade de seus respectivos narradores. O blog Dorama Resenhas é nosso parceiro-irmão e todo seu conteúdo é feito por suas escritoras através de uma pesquisa séria de fontes confiáveis, além da exposição de opiniões próprias. Plágio é crime. Não copie dos nossos conteúdos originais. Se for tomar inspiração, por favor mencione.
Moderação
One Piece
Starry Night
SKIE
The Crown
Joseon RPG
Sokcho's Tale
The Village
Convidados

Somin: 03. Interlude

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ir em baixo

Relembrando a primeira mensagem :

Somin

Segunda-Feira. 22 de Outubro de 2018.

O almoço daquele dia 20 de Outubro apenas serviu para que Somin encontrasse algumas respostas das muitas perguntas que estavam tomando seu coração. Dançar fazia parte de sua essência e isto era um fato. Amava sentir a música e traduzi-la em movimentos, desde os mais simples até os mais complexos. Debutar num grupo foi um grande desejo realizado, assim como se sentir amada, notada, vista e admirada tinham preenchido, temporariamente, vários vazios que acumulava em seu peito.

Contudo, ela não sabia mais se tinha nascido para ser uma idol.

Mas sabia que precisava de um tempo.

Quanto? Era difícil dizer.

Quanto tempo se leva para que a alma fique curada? A dela se machucou há mais de dez anos e até hoje só acumula feridas. Aquele acidente em particular tinha mexido muito de suas memórias mais trancadas e tristes. Tanto que a deixou mais vulnerável e emotiva durante o almoço familiar com os Yang.

Reencontrar aquela que se tornou sua mãe de coração e a irmãzinha foi como um carinho para seu coração. O mesmo não podia ser dito de Jongsuk, porque ele a confundia cada vez mais. Ao mesmo tempo em que não tinha parado de pensar naquele beijo, ela sabia que precisava se afastar - mas também não queria. Não enquanto ocupasse o lugar que estava ou enquanto sua mente estivesse tão confusa. Por isso, o tempo seria seu melhor amigo.

Assim tinha decidido.

Na segunda-feira seguinte, após o seu pedido, o Sr. Yang foi conversar com o CEO da Starfish. Amigos de longa data, havia certo favorecimento no modo como negociavam as carreiras de Somin e Jongsuk -  o talento deles contava imensamente, contudo, eles tinham um certo grau de predileção não apenas pelos visuais, mas porque o CEO tinha forte ligação com a família Yang. De todo modo, eles acordaram que Somin tomaria um tempo para si.

O White Pearls estava prestes a recomeçar os treinos para um comeback que só viria em 2019. Nenhuma das agências tinha condições - ou coragem para as críticas que receberiam - de manter os projetos como se nada tivesse acontecido. Era preciso reforçar criar a necessidade do público para ver seus idols sem associar a precoce morte dos Golden Boys. Por isso, os talentos das agencias se promoveriam de outras formas. Não podiam parar, isso não! Mas seriam muito mais focados em carreiras solos do que nos grupos. Foi o decidido por hora.

Muito mais estava por vir, mas Somin não precisava saber ainda.

Quinze dias parecia pouco tempo para decidir o rumo de sua vida, mas era o prazo até que tivessem uma conversa com o CEO. Enquanto isso, ela poderia viajar, ter um tempo de paz ou simplesmente permanecer na residência dos Yang. Pela primeira vez, depois de muitos anos como trainee, ela podia decidir o que fazer da própria vida, pelos próximos dias.

As meninas do White Pearl estavam em choque. Hyori era a que mais estava sentindo, por serem melhores amigas. Sabia que poderiam se ver, mas era muito estranho arrumar as malas de Somin. Ela chorava em silêncio, sem querer ser um incomodo, mas não deixava de ser comovente. Mimi, Aya e Mei também se aproximaram, completamente sem jeito e impactadas pela notícia.

- Yah, mas voce vai voltar, não é? - Mimi perguntou. Logo ela, a que menos se entendia com Somin, mas que parecia tão emotiva quanto Hyori naquele momento. - Eu prometo que vou te ouvir mais como líder e dividir o batom… - A voz dela foi ficando rouca. - Mas...Diz que não vai nos deixar, unnie...jebal…

Somin: 03. Interlude - Página 2 64ebddea0be541f929de9c78f9a14b29

Hyori precisou segurar o choro com as duas mãos. Aya e Mei se abraçaram e Mimi esperava ter seu apelo atendido por Somin.

Somin: 03. Interlude - Página 2 Bbec9a659041d52213f59e3200616e1c

Starry Night
Capa perfil : Somin: 03. Interlude - Página 2 C475e03b0512944f045a2c72a39e7279
Frase : Do whatever you want, even if you’re mean and you make me sad. You need to be yourself, even if I'm not feeling well and it's sad ending
Estado Civil : Solteiro (a)
Idade : 27
Gif : Somin: 03. Interlude - Página 2 MT5Li6t
Apelido : Narrador
Jogo : Starry Night
Mensagens : 545
Avatar perfil : Somin: 03. Interlude - Página 2 HdDMEXv
Cabeçalho posts : https://i.imgur.com/mT5Li6t.gif
Ver perfil do usuário
Starry Night

Voltar ao Topo Ir em baixo


Somin

Segunda-Feira. 22 de Outubro de 2018.

Não era difícil concluir porque Soni - e vários meninos - reagiam a presença de Somin. Ela não precisava ter uma beleza extraordinária para atrair a atenção quando se tinha tanta consciência corporal, expressão, carisma - muitas doses de manipulação e uma dança invejável. Ela era atraente, mesmo para ele - que era sempre citado por sua absurda beleza e sensualidade mesmo quando estava apenas quietinho na foto.

E Somin não era tola, aproveitando aquela oportunidade de provocá-lo e tentá-lo. Soni a acompanhava com evidente interesse e quase dava para acreditar que ele caía em sua trama. Os olhos seguiam para os pontos que ela queria: a mão que esbarrava sobre a dele enquanto fazia um convite despretensioso. Ou o modo como os olhos dela o puxavam de volta para encará-la.

Como uma verdadeira musa da dança daquela geração, ele se deixava conduzir pelo chamado dela. Era apenas uma amostra de como a dança e a manipulação dos movimentos podiam ser úteis mesmo fora de cena. O rapaz não chegou a responder sobre as saudades, limitando-se a mover de leve a cabeça para o lado, como se perguntasse se estava mesmo entendendo o que ela queria dizer.

Suspirou, vendo aquelas linhas retraídas surgirem em seu rosto.

- Conte-me o segredo… - Soni murmurou com a voz rouca, aguardando para ouvir o que ela tinha a dizer, ainda que fosse uma pergunta retórica. A voz dele se fez presente mesmo assim enquanto piscava lentamente e ouvia aquela grande revelação.

Voltou a apenas absorver o que Somin transmitia. Acompanhava com olhos clínicos e gostaria de ter uma bebida para umedecer a garganta, mas ficou satisfeito em passar a língua lentamente pelo interior do lábio inferior.

Era um teste…

Uma tentação…

E ela aguardava por uma resposta. Como ele poderia decepcioná-la?

O problema de Somin era que ela fazia pouco caso das coisas que Jongsuk dizia. E, antes de sair, ele havia apontado algo óbvio, porém que ela não tinha dado a devida atenção. A diferença entre Somin e Soni é apenas uma letra, mas os dois são feitos do mesmo material. E agora que ela havia feito a sua proposta, era a vez dele de lançar a sua.

Afinal, como todos sabiam, Soni podia não ser o melhor dançarino ou vocalista do grupo, mas era um excelente e envolvente ator. Manipulador, belíssimo...tão irresistível e tentador quanto ela.
Somin: 03. Interlude - Página 2 1b4296e12e8c416b709fe22af83cac47

- Ani...Eu não acho justo… - Dizia com sua voz pouco a pouco povoando a mente dela. A mão atrevida, mais uma vez seguiu até seu cabelo, ajeitando a mecha que estava cismando em cair. -  Mas você acha que deveria se colocar nesse papel?  - Indagou, cravando os olhos nos dela. - De revidar o que seu hipócrita irmão fez...Vai querer se rebaixar ao mesmo nível que ele? - Fez uma careta ao franzir um pouco o nariz, mas concluiu - Mas mesmo que faça isso, bom, não conseguirá revidar na mesma moeda. Porque eu não sou a Mimi…

Afastou a mão dela e levantou-se, tomando cuidado para que seu corpo também atraísse a atenção dela. Circulou pela poltrona também, dando a volta e caminhando até as janelas que davam para o jardim de inverno, observando o visual do lugar.

Somin: 03. Interlude - Página 2 A581e5fb78e84434e6273d0cbf8ad73c

- Eu entendo sua frustração...Parece o mesmo que eu sinto quando eu te vejo agir assim por conta dele. - Fez um pequeno bico no canto dos lábios enquanto deixava as mãos para trás. - Você merecia muito mais…

Starry Night
Capa perfil : Somin: 03. Interlude - Página 2 C475e03b0512944f045a2c72a39e7279
Frase : Do whatever you want, even if you’re mean and you make me sad. You need to be yourself, even if I'm not feeling well and it's sad ending
Estado Civil : Solteiro (a)
Idade : 27
Gif : Somin: 03. Interlude - Página 2 MT5Li6t
Apelido : Narrador
Jogo : Starry Night
Mensagens : 545
Avatar perfil : Somin: 03. Interlude - Página 2 HdDMEXv
Cabeçalho posts : https://i.imgur.com/mT5Li6t.gif
Ver perfil do usuário
Starry Night

Voltar ao Topo Ir em baixo

Maybe then I'll fade away
And not have to face the facts
It's not easy facin' up
When your whole world is black

shining so bright yet the light's fading



O excesso de confiança podia sim ser um grande aliado, mas também aplicava certas desvantagens... como agora, por exemplo. Somin estava tão segura que não considerou a possibilidade de... Bem, daquilo. Realmente, filtrava as palavras de Jongsuk, lhe dando e, ao mesmo tempo, não dando completa atenção. Na maior parte das vezes, ele desejava machucá-la... Então, se fosse acolher cada frase solta... Tsc. Ela viu a oportunidade “perfeita” e não hesitou na hora de avançar lentamente sobre Soni. Cada movimento entre mãos e pernas, a respiração... até o jeito de piscar as pestanas... Tudo era calculado, mas a menina esqueceu a existência de uma margem de erro para tantos números. E Soni... Mesmo caladinho, apenas observando, isso também configurava um tipo de resposta. Gostava dos olhares sobre si, ainda mais de um olhar particularmente bonito como o dele Enfim... Iniciou o jogo, esperando que surtisse o efeito esperado, adentrasse na mente do rapaz... Por que não?

Contudo...

O inesperado aconteceu.

Um inesperado que deveria ser óbvio.

Os olhos continuavam conectados aos de Soni enquanto a mão voltava a arrumar a mecha teimosa, como se o deslizar macio fosse outro adereço para provocá-lo. Havia algo quente ali, entre eles... Um véu os encobria, e era perigoso... Mas Somin demorou a entender que também arriscava-se.

"Mas você acha que deveria se colocar nesse papel?"

Foi com um pouco de espanto que recebeu aquela pergunta que mais parecia uma nota fora do tom.

Somin: 03. Interlude - Página 2 Fa6b6edb16e401da4126650426ea4b72

Como?

Ela pendeu a cabeça de lado, mais curiosa do que impactada. Alimentou o silêncio para assistir até onde Soni queria chegar e de uma maneira bastante neutra, devolvia a encarada. Soni simplesmente fugia pela tangente e o baque não gerou uma sensação negativa... Na verdade, era como analisar o mesmo quadro por um ângulo completamente contrário. E Somin achando que Henry quem era o mais esperto...

Não a agradou, pois adorava o controle, mas tampouco a desagradou.

Era... novo.

Um doce diferente. Amargo no começo, porém conforme se belisca devagarzinho...

Hmmm.

Acompanhou somente com os olhos o afastar de Soni em direção à janela e quando ele voltou a falar, mexeu de leve o rosto, quase apoiando o queixo sobre o ombro, mas ainda não o fitando. Um pequeno sorriso acendeu a comissura dos lábios vermelhos. Não sentia-se ofendida ou minimamente chateada... A única pessoa com a capacidade em feri-la era Jongsuk. Entretanto, Soni... Ele virou uma incógnita. O que ele sabia...? Ou o que acreditava saber?

Pelo reflexo suave dos vidros, a imagem da Han praticamente surgiria, de súbito, como se Soni tivesse invocado alguma espécie rara de demônio. Todavia, logo se colocou ao lado dele, também admirando o belo cenário... Possuía boas recordações do lugar. Cruzou os braços frente ao corpo e havia a distância de centímetros entre ela e Soni. Agora, a figura dela completava a do garoto diante do enorme “espelho”. Se ele desejasse, poderia avaliar as reações da jovem... Muito facilmente.

- Você não é a Mimi - declarou.

Micha sabia ser cruel, mas ela era mais reativa do que calculista. Não a via como alguém que mede detalhe por detalhe... Ela é do tipo que explode e ataca. Soni não...

O que o tornava mais nocivo.

- Não quis fazê-lo se sentir usado. Mas... não estou errada. Meios que alcançam resultados idênticos... Qual é a diferença no fim? Huh? Nenhuma... E eu também não menti quando disse que Jongsuk me afasta de vocês... Agora mesmo, ele continua aqui... Entretanto, talvez... Talvez eu não deva... – sussurrou - Não por ele ou por mim. Porque, Sonie, não sei o que mereço, mas você... Ah, você não merece isso. Miane...  

Somin: 03. Interlude - Página 2 Original

Finalmente subiu o queixo para fitar o perfil maravilhoso daquele rosto impecável.

- Minha frustração agora é outra...  Porém... Você já deve saber...

Somin: 03. Interlude - Página 2 869AE842A6A3253F282A8E4DD835145222D055BF

Insinuou, virando-se completamente.

Não mais tentava seduzi-lo ou controlá-lo, e mesmo que a “máscara” tenha revelado alguns traços das nuances de Somin, ainda existia interesse... E era real, não meramente montado – Disse que eu merecia “mais”... E não sei o que esse mais significa e se, de fato, o mereço... Então... – balançou os ombros, olhando adiante outra vez, porém com o corpo ainda virado para Soni – O que eu mereço, afinal...?

Soni poderia interpretar que era uma pergunta destinada a ele ou mera divagação.


   


Han Somin
Capa perfil : Somin: 03. Interlude - Página 2 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Frase : Make me your one and only, but don't make me your enemy ♫
Estado Civil : Solteiro (a)
Idade : 19
Gif : Somin: 03. Interlude - Página 2 -Jennie-Kim-jennie-blackpink-41441839-268-350
Apelido : Karol
Jogo : -
Mensagens : 92
Avatar perfil : Somin: 03. Interlude - Página 2 Tumblr_p6it88HN1A1wz3kz5o2_250
Cabeçalho posts : https://i2.wp.com/hdwallpaper20.com/wp-content/uploads/2016/05/grey-wallpaper-miscellaneous_dark_loneliness_grey.jpg
Ver perfil do usuário
Starry Night

Voltar ao Topo Ir em baixo

Somin

Segunda-Feira. 22 de Outubro de 2018.

Graças ao vidro da janela, Soni conseguia observar vários cenários ao mesmo tempo, dependendo apenas do foco que gostaria de usar: do ângulo em que estava, podiam considerar que olhava para o belo jardim, mas mudando um pequeno foco de sua visão, o vidro permitia que ele olhasse para Somin ou até para si mesmo. Os olhos dele voltaram-se na direção dela quando viu a aproximação quase que espectral.

Não moveu o corpo em sua direção, mas a acompanhava no ritmo que ela controlava. Até que ela parou para se posicionar ao seu lado antes de iniciar seus apontamentos. A primeira sentença que concluía a partir de uma negação o fez virar muito sutilmente para ela.

- Ani… - Concordou ao negar.

Quando Somin pediu desculpas, Soni prontamente as aceitou - ainda que não tenha ficado nem um pouco ofendido com aquilo. Era uma reação que gerava um riso interno por conta da ironia contida ali.

No instante em que ela subisse o queixo, ela poderia perceber - ou sentir, no caso - algo que até então tinha passado sem problemas: não precisava tombar tanto a cabeça para olhar para o belo rosto de Soni. Jongsuk era mais alto do que ele e a sombra que projetava era opressora, cobrindo Somin por inteira quase como se disputassem dominância pelo território. Já Soni, ainda era um rapaz alto e o impacto dele era diferente: estava no olhar que uma vez que prendia sua presa, não a deixava mais escapar. E a altura apenas endossava essa sensação.

- Uma nova frustração? Eish, Somin-ah... - Estalou de levinho a lingua na boca, quase como um “que pena, que dó”- Essa nova eu não faço ideia do que pode ser...

Mentira? Verdade?

Difícil saber se tinha sido sincero ou não.

No entanto, ele logo puxou o ar de novo enquanto começou a se virar na direção dela - mas ainda com as mãos para trás. Os olhos passearam pelo lindo rosto que não mais tentava usá-lo como objeto de vingança ou troco, mas que ainda tinha consigo uma aura sensual. Soni esboçou um sorriso no canto dos lábios, evidenciando suas covinhas e a primeira resposta dele foi.

- Respeito.


Soltou os pulso, relaxando mais os braços. Trouxe um deles para a frente, ajeitando a manga de sua blusa de manga comprida. Não mais a encarava enquanto continuava dizendo o que ela merecia.

- Segurança emocional.


Ajeitou a outra manga apenas para na sequência voltar a encará-la.

- Fidelidade. São coisas simples, não acha? E mesmo assim me parece que você não tem. - Cruzou os braços.- Você comentou sobre os meios para alcançar o resultado final. Que não importa se o resultado final for idêntico. - Meneou negativamente.- Eu acho diferente porque isso não é matemática…Os resultados finais não são números frios. Os resultados finais são consequências, marcas, cicatrizes, memórias, chame como quiser, que você vai levar consigo por muuito tempo. E o meio é quem determina que tipo de pessoa você é.

Deu um passo na direção dela.

- Eu não sou a Mimi...E você não deveria ser Jongsuk.
- Abaixou-se um pouco e sussurrou perto da orelha dela, quase que fazendo suaves cócegas. - Você é muito melhor do que ele...

Starry Night
Capa perfil : Somin: 03. Interlude - Página 2 C475e03b0512944f045a2c72a39e7279
Frase : Do whatever you want, even if you’re mean and you make me sad. You need to be yourself, even if I'm not feeling well and it's sad ending
Estado Civil : Solteiro (a)
Idade : 27
Gif : Somin: 03. Interlude - Página 2 MT5Li6t
Apelido : Narrador
Jogo : Starry Night
Mensagens : 545
Avatar perfil : Somin: 03. Interlude - Página 2 HdDMEXv
Cabeçalho posts : https://i.imgur.com/mT5Li6t.gif
Ver perfil do usuário
Starry Night

Voltar ao Topo Ir em baixo

Maybe then I'll fade away
And not have to face the facts
It's not easy facin' up
When your whole world is black

shining so bright yet the light's fading



Somin não sabia apenas articular perfeitamente os movimentos corporais, mas também era dona de uma eloquência bastante convincente. Contudo, depois das colocações de Soni... Algo na Han aparentemente desapareceu. Ela não tinha mais aquela aura poderosa, embora a presença em si já fosse naturalmente intensa. Era quase... vulnerável. O pedido de desculpas soou sincero, mas a garota não parecia arrependida. Havia sentido nisso? E, de verdade, os instantes em silêncio foram necessários para recobrar o foco. Ele realmente a pegou com a guarda baixa e ciente do terreno frágil no qual caminhava... Era preciso cautela para que seus saltos finos não quebrassem aquela superfície de gelo.

Quando começou – não contestar, mas expor o ponto de vista – a falar, cuidadosamente escolheu as palavras e, ainda assim, determinados aspectos permaneceriam ambíguos. Agora, lado a lado, Somin precisou erguer o queixo para alimentar um contato visual entre eles, porém, ao contrário das vezes que o fazia com Jongsuk, não teve que se curvar demais para conseguir alcançar os olhos de Soni. O menino não possuía a mesma aura selvagem e opressora do irmãozinho... Jongsuk lutava pela dominância enquanto Soni buscava conquistá-la. Formas diferentes de agir, mas detentoras de impactos semelhantes.

Sobre a tal frustração...

Ela nada acrescentou, mantendo uma expressão serena.

Se o rapaz não entendeu – ou fingiu que não entendeu... Não seria Somin a explicar. Que ficasse subtendido... O que não era de todo ruim. Além disso, a conversa logo tomava novas diretrizes, tanto que Soni aprumava-se diante dela conforme esbanjava uma segurança tocante. Ela mantinha uma neutralidade inofensiva ao encará-lo e ainda havia aqueles “traços” marcando as íris escuras, cujas linhas felinas do olhar eram costumeiramente realçadas pelo delineador.

Resvalando numa inocência que ela não possuía.

Porque até o que existia de mais puro nela, também era corrompido.

E lá estava... Nota acima de nota.

Respeito.

Segurança emocional.

Fidelidade.

Não lembrava-se de, alguma vez, ter dançado naquele ritmo. Isso se mostrou evidente na maneira sutil em que ela curvou as sobrancelhas, como se os termos não pudessem ser encontrados no seu dicionário particular. Fugia do vocabulário. Bem... A jovem admitia que o garoto sabia como atingir alguém... Na verdade, Somin não se envergonhava de vestir a carapuça; aparentemente, esta a pertencia em absoluto.

A aproximação deliciosamente intimidante mais convidava do que qualquer outra coisa...

O que era...?

Algo combinado entre ele e Jongsuk? Afinal, como Soni poderia lê-la de um jeito tão “perto” da realidade? Chamaria o líder do SoN de falso... Caso ela própria não tivesse adotado uma atitude parecida minutos atrás. Todavia, de repente, a mente sofreu uma parada cardíaca ao absorver não somente os dizeres, mas também o peso suave da respiração quente aconchegando-se na pele de uma área sensível. As bochechas, por centímetros tão ínfimos, não roçavam... Era uma novidade.

Cheiro, presença, magnetismo... Era diferente do que ela já provou.

Devagar, recuou o rosto o suficiente para restabelecer a ligação entre os olhos. Delicadamente tocou o maxilar de Soni com as pontas dos dedos, afagando a região.

- Gosto da pessoa que você enxerga em mim. Me faz parecer... boa.

Não mais o encarava, mas deslizava os orbes por cada risca da face dele.

- E se... você, por acaso, estiver errado?

Questionou.

- Assim como eu não deveria ser Jongsuk, por exemplo, não deveria te olhar do jeito que estou começando a olhar, Sonie... É errado... – ela sussurrou e o contexto era vago... dúbio – Então, não entendo... Não entendo mesmo. Como pode afirmar tão cheio de certeza de que sou muito melhor do que o cretino do meu irmão quando sinto que... que sou infinitamente pior?

Antes que Soni pudesse responder, ela apoiou de levinho o indicador sobre os lábios dele.

- Talvez eu quem seja o fruto podre...

Ela constatou conforme subia  o olhar e afastava as mãos.

   


Han Somin
Capa perfil : Somin: 03. Interlude - Página 2 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Frase : Make me your one and only, but don't make me your enemy ♫
Estado Civil : Solteiro (a)
Idade : 19
Gif : Somin: 03. Interlude - Página 2 -Jennie-Kim-jennie-blackpink-41441839-268-350
Apelido : Karol
Jogo : -
Mensagens : 92
Avatar perfil : Somin: 03. Interlude - Página 2 Tumblr_p6it88HN1A1wz3kz5o2_250
Cabeçalho posts : https://i2.wp.com/hdwallpaper20.com/wp-content/uploads/2016/05/grey-wallpaper-miscellaneous_dark_loneliness_grey.jpg
Ver perfil do usuário
Starry Night

Voltar ao Topo Ir em baixo

Somin

Segunda-Feira. 22 de Outubro de 2018.

Soni estava pronto para responder aos questionamentos de Somin - não havia demonstrado surpresa com os dizeres, visto que já se conheciam há uma certa quantidade de tempo. O suficiente para observá-la e chegar a algumas conclusões. No entanto, pelo modo que ela o silenciou e concluiu, ele acabou ficando com os lábios entreabertos. O dedo dela tocando o fino tecido de desenhos convidativos. Mas ele sorriu, bem no canto dos lábios e quase divertido.

- Você acha que esses termos são usados apenas para quem é bom? Eu não disse que você era boazinha...Até porque, as boazinhas são chatas e hipócritas. Só disse o que voce merecia…

Suspirou, também se afastando dela.

Apesar de existir a possibilidade de encontrar um enorme prazer com Somin, naquele momento em que estavam juntos, Soni não estava cativando algo de momento. No instante em que ela demonstrou que queria dar um troco e se vingar, ele se recusou a fazer parte do teatro visando algo...maior. Como se quisesse plantar certas sementes em sua cabeça e expandir seus horizontes.

Filmes são muito curtos.

Era sempre mais prazerosos assistir a episódios longos semanalmente, deixando o gostinho de quero mais. Angústia, ansiedade, curiosidade...Ele queria ficar na mente dela como um pensamento constante. Não apenas um sabor. Por isso ele recuou depois de muito morder e assoprar.

Não teria graça se fosse diferente.

- Se voce não deveria fazer algo, provavelmente é bom. - Divertiu-se.]- Eu afirmo que voce é melhor porque...parece sua natureza. Mas isso não faz de voce uma pessoa boa. Tampouco má ou fruto podre. Isso é tão...dramático e antiquado. Por que se desmerecer assim? Quem nunca cometeu seus pecados na vida? São muitas tentações e pouco tempo de existencia, voce não acha?

Deu mais um passo para trás, enfiando as duas mãos nos bolsos de sua calça.

- Mas eu respeito sua opinião e sua conduta.

Começariam a ouvir passos se aproximando da sala. Soni recuou um pouco mais, dando mais espaço entre eles até que a Sra. Go apareceu para recolher a bagunça e se deparou com os dois. O momento havia chegado ao fim e eles atuaram de modo que não levantaram nenhuma suspeita - até mesmo o sorriso de Soni era inocente e ingenuo, como se não estivesse fazendo nada demais todo aquele tempo.

Não demorou para que Jongsuk voltasse de sua ligação acompanhado de Henry. O irmão postiço guardou o celular no bolso, mas não comentou quem era. Por ver a Sra Go ali e não saber há quanto tempo Henry estava fora, ele não achou nada demais na cena que viu - ainda sentia que estava ganhando por ter uma ligação que incomodara a expressão de Somin.

No horário combinado, o jantar seria servido ao presentes. A mesa estava cheia - numa ponta, o papai, a mamãe a direita, acompanhada de Somin e Eunha, do outro lado, Jongsuk, Soni e Henry. A conversa foi bastante aprazível sobre o futuro, sobre esforços que fariam e como se reergueriam num cenário tão fragilizado. Eles tinham muito o que trabalhar, mas também esperavam que Somin tivesse bom tempo de descanso e retornasse tão logo estivesse disposta.

Ao fim do jantar, Jongsuk subiu para o quarto dele para buscar algum pertence dele. Eunha implorava para que Henry e Soni dormissem ali - suas amigas morreriam de inveja! E a irmãzinha ocupava todas as atenções do momento. Desde que tinha retornado do telefonema, o irmãozinho não tinha dado muita conversa para Somin - o que era um alívio e incomodo ao mesmo tempo.

E agora estava prestes a cumprir sua promessa de ir embora.

A casa teria um ar melhor ou ficaria mais vazia para Somin?

[Darei até 3 rodadas para terminar essa RP, dependendo do que Somin fizer. Acelerei porque já estamos há muito tempo aqui! Então, deixei algumas cenas para o futuro! Decida o que a Somin vai fazer.]

Starry Night
Capa perfil : Somin: 03. Interlude - Página 2 C475e03b0512944f045a2c72a39e7279
Frase : Do whatever you want, even if you’re mean and you make me sad. You need to be yourself, even if I'm not feeling well and it's sad ending
Estado Civil : Solteiro (a)
Idade : 27
Gif : Somin: 03. Interlude - Página 2 MT5Li6t
Apelido : Narrador
Jogo : Starry Night
Mensagens : 545
Avatar perfil : Somin: 03. Interlude - Página 2 HdDMEXv
Cabeçalho posts : https://i.imgur.com/mT5Li6t.gif
Ver perfil do usuário
Starry Night

Voltar ao Topo Ir em baixo

Maybe then I'll fade away
And not have to face the facts
It's not easy facin' up
When your whole world is black

shining so bright yet the light's fading



Quando devolvia as respostas de Soni, Somin se via curiosa pelo próximo passo do garoto... Não apenas curiosa, mas também bastante interessada. Era diferente observá-lo por aquela nova perspectiva... Ela queria descobrir mais, quais tons e nuances mostravam-se mais presentes nele, aromas e texturas. O dedo permaneceu pressionando os lábios bonitos enquanto soltava questões fáceis, porém... igualmente difíceis. Soni respeitou o momento de fala, só que o sorriso na beira da boca quase movimentou a pontinha do indicador, tentando-a a contorná-lo. Contudo, assim que afastou o toque, ele investiu daquele jeito que a estava absolutamente instigando.

Ela sorriu diante da explicação.

- É interessante que você pense dessa maneira, Sonie. Outras pessoas não diriam isso... Na verdade, diriam justamente o contrário.

Balançou os ombros, como quem não parece incomodada.

Os dois colocaram alguma distância, mas ainda seguiam conectados dentro da atmosfera que criaram ali. Era quase como se Soni fosse uma espécie de professor e Somin uma aluna aplicada, prestando atenção em cada lição e análise. Inclusive, os olhos brilhavam... um brilho animalesco – algo que ela e Jongsuk dividiam. Ambos eram selvagens, mas com certa classe. Por isso, Somin achava uma experiência diferente a que Soni proporcionava. Ele era muito bom naquele jogo, usando ataques macios, próximos de uma ingenuidade que lhe servia como fachada. E Somin comprava a ideia... Deixava-se levar – mas não enganar. Percebia as ferroadas de Soni e como ele tratava de assoprá-las para amenizar a dor.

Contudo... Ele conseguiu.

E a Han também, pois a dupla compartilhava o mesmo desejo de prolongar aquilo.

Gostava, sim, do controle, mas poderia abrir exceções... permitir-se testar limites... e testar os limites dele.

Por que não?

Não havia a menor necessidade para pressa, aliás.

- Não estou me desmerecendo – a sentença veio rápida quanto o corte de uma navalha – Só penso que seria frustrante imaginar que você está fantasiando uma pessoa que não existe. Frustrante para nós dois. Mas, Sonie aparentemente me conhece tão bem... – ela mostrou um beicinho pequeno, inocente... – Tão bem que adoraria ouvir mais...

Quase que programado, eles escutariam os passos.

Somin olhou por cima do ombro e suspirou baixinho antes de continuar.

- Pena que o nosso tempo terminou... por hoje.

No instante em que a Sra. Go entrou, o clima tinha praticamente se dissolvido e tanto Somin quanto Soni ensaiaram o papel com uma perfeição ímpar. Afinal... nada aconteceu, correto?

Ela abriu um dócil e receptivo sorriso para a mulher enquanto voltava a sentar no sofá que dividira ao lado de Soni. Quase em seguida, Henry e Jongsuk também retornaram. Pela expressão do irmãozinho, ele não desconfiou de qualquer traço, nenhuma linha. Somin mal o encarou, preferindo assistir os últimos minutos do filme. Somente de respirar o mesmo ar... O espírito queimava de ódio. Não havia mais Soni para distraí-la... Sim... Ele a distraía muito bem...

Perto do horário do jantar, ela despediu-se deles com um “até logo” e seguiu para o quarto, onde usou cada segundo disponível na aparência. Obviamente estava linda, trocando o look básico por um que a valorizava ainda mais – não que houvesse modo de Somin não se destacar. Foi uma das primeiras a chegar e acomodou-se na cadeira ao lado de Eun Na, apertando um beijo estalado na bochecha fofinha. Então, com todos reunidos, as refeições impecáveis começaram a ser servidas enquanto conversavam sobre temas importantes, mas sem trazer incômodos. Depois de falarem a respeito do futuro e do trabalho, o assunto ganhou tons mais leves... Somin dividia coisas corriqueiras e situações engraçadas. Evitou encarar Jongsuk, ciente que ele também escolhia ignorá-la. Apenas devolveu a gentileza. Já em relação aos meninos, brincava com Henry e Soni, inteiramente à vontade.

Assim que terminaram a deliciosa sobremesa e teceram vários elogios, eles saíram da mesa... Aproximavam-se da despedida e Nana pedia para que os oppas dormissem na residência dos Yang. Somin trocou olhares, como se dissesse “e agora, hein?”, divertindo-se e quase torcendo para que cedessem aos apelos de Eun Na. Já Jongsuk, ele retirou-se... o que mordia os desejos da Han, impulsionando-a a segui-lo, porém não.

Permaneceu paradinha, de braços cruzados e sorrindo conforme obsevava o desfecho da cena, até decidir se meter...

Ela se ajoelhou diante de Nana e tocou o rostinho da irmã, acariciando-o.

- Os oppas precisam trabalhar duro amanhã, Nana... Mas... Tenho certeza que voltarão em breve. Vem cá... – fingiu sussurrar algo na orelha da irmãzinha, porém mantendo os olhos neles e dizia de forma audível – Eu acredito que se você pedir com muuuito jeitinho, irá comovê-los e eles não terão como resistir.

O olhar pairou em Soni conforme erguia-se novamente.  


Han Somin
Capa perfil : Somin: 03. Interlude - Página 2 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Frase : Make me your one and only, but don't make me your enemy ♫
Estado Civil : Solteiro (a)
Idade : 19
Gif : Somin: 03. Interlude - Página 2 -Jennie-Kim-jennie-blackpink-41441839-268-350
Apelido : Karol
Jogo : -
Mensagens : 92
Avatar perfil : Somin: 03. Interlude - Página 2 Tumblr_p6it88HN1A1wz3kz5o2_250
Cabeçalho posts : https://i2.wp.com/hdwallpaper20.com/wp-content/uploads/2016/05/grey-wallpaper-miscellaneous_dark_loneliness_grey.jpg
Ver perfil do usuário
Starry Night

Voltar ao Topo Ir em baixo

Somin

Distribuição de XP

Jogo Encerrado!

Seria legal a Somin atualizar o social link dela depois que eu postar. Achei bem legal a cena, mas pena que demoramos tanto. Precisamos, nós duas, melhorar o ritmo, miga. Somin tá perdendo muita xp em comparação a outros jogos, ainda mais que voce vai começar a Yoona tbm. Acho Smin uma char extremamente rica, eu a amo (e a detesto porque é uma pessoa dificil :v) e quero muito ver a evolução dela.

Vai ganhar os 2 pontos :3 mas ainda vou atualizar lá.  

Starry Night
Capa perfil : Somin: 03. Interlude - Página 2 C475e03b0512944f045a2c72a39e7279
Frase : Do whatever you want, even if you’re mean and you make me sad. You need to be yourself, even if I'm not feeling well and it's sad ending
Estado Civil : Solteiro (a)
Idade : 27
Gif : Somin: 03. Interlude - Página 2 MT5Li6t
Apelido : Narrador
Jogo : Starry Night
Mensagens : 545
Avatar perfil : Somin: 03. Interlude - Página 2 HdDMEXv
Cabeçalho posts : https://i.imgur.com/mT5Li6t.gif
Ver perfil do usuário
Starry Night

Voltar ao Topo Ir em baixo

Somin: 03. Interlude - Página 2 Grey-wallpaper-miscellaneous_dark_loneliness_grey
Conteúdo patrocinado
Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum