Elysium Fields

O Elysium Fields foi fundado em Fevereiro de 2018, com o intuito de ser um jogo entre amigos, mas cresceu para se tornar não um único jogo RPG, mas vários. Desta forma, pode encontrar um jogo para jogar, ou narrar o seu próprio jogo, com as suas regras. A maioria dos nossos jogos são guiados por um narrador, que começa a história, desenvolve, e dá um fim à mesma. Os jogadores são os seus personagens principais.
Joo Ri
Hae Shin
Ji Yeon

Moderação

Últimos assuntos
» You’ve been dreaming of a monster
por Raron Hoje à(s) 7:53 am

» Outros
por The Village Ontem à(s) 9:10 pm

» Lojas Locais
por The Village Ontem à(s) 8:18 pm

» Capítulo 3 - Festival de Primavera
por Joseon RPG Ontem à(s) 7:26 pm

» 02. Date Night
por Kwon Young Jae Ontem à(s) 1:58 pm

» Jun Sun e Tulipay: Awaken
por Nang Eun Kyung Ontem à(s) 1:17 pm

» Mortal Genesis
por Kye Jin Sang Ontem à(s) 4:48 am

» Gyuri: 04. A Princess is Born
por Nam Gyuri Ter Set 17, 2019 10:00 pm

» 02. Yes or Yes
por Shin Jaejin Ter Set 17, 2019 3:30 pm

» Ong: 03. Picture in my head
por Ong Joo Heon Ter Set 17, 2019 1:28 am

» Luna: 03. PaintMe
por Luna Minn Seg Set 16, 2019 11:34 pm

» Jeon Nayoung's Song
por Starry Night Seg Set 16, 2019 7:44 pm

» Klaham Chaiyasan's Song
por Starry Night Seg Set 16, 2019 7:43 pm

» Song Hyemi
por The Village Seg Set 16, 2019 4:03 pm

» Kang Ujin
por The Village Seg Set 16, 2019 3:53 pm

» Ok Beom Seok
por The Village Seg Set 16, 2019 1:22 pm

» Myeong Bokgu
por The Village Seg Set 16, 2019 12:14 pm

» Ahn Yura
por The Village Seg Set 16, 2019 11:49 am

» Hong Seo Ri
por The Village Seg Set 16, 2019 11:33 am

» Kim Hyomin
por The Village Dom Set 15, 2019 11:23 pm

» Soo Kyung Suk
por The Village Dom Set 15, 2019 10:45 pm

» PLANTÃO SN: Salto temporal, desafio da Nari e muito mais...
por Klaham Chaiyasan Dom Set 15, 2019 6:00 pm

» Teste de TPTs
por Klaham Chaiyasan Dom Set 15, 2019 5:47 pm

» 02. Clap Your Hands
por The Crown RPG Dom Set 15, 2019 4:41 pm

» All sink or swim
por Ayleen G Dom Set 15, 2019 10:00 am

» Nari e Suwon: 03. Gossip
por Park Nari Sab Set 14, 2019 9:21 pm

» Cena Coletiva 01: Into The Deep Blue
por Kang Seung Hee Sab Set 14, 2019 5:10 pm

» @chae.kim
por Kim Chaeyeong Sab Set 14, 2019 12:59 am

» 02. Don't Mess Up My Tempo
por Son Ilgook Sex Set 13, 2019 11:34 pm

» Shin Woo Hyun
por The Village Qui Set 12, 2019 9:57 pm

» O Registro
por Ok Beom Seok Qui Set 12, 2019 2:37 pm

» Off-Chat
por Hae Shin Qui Set 12, 2019 1:36 pm

» INSCRIÇÕES
por Lee Su-ji Qui Set 12, 2019 1:26 pm

» Somin: 03. Interlude
por Starry Night Qui Set 12, 2019 2:49 am

» Tori: 03. Me Fisrt
por Starry Night Qui Set 12, 2019 2:32 am

» Game of Survival
por Ayleen G Qua Set 11, 2019 10:08 am

» [DADOS] Onde estrelas nascem ou morrem
por Jeon Nayoung Qua Set 11, 2019 12:50 am

» Capítulo 2 - Velhos conhecidos
por Jeong Sae Rin Ter Set 10, 2019 11:51 pm

» Capítulo 2 - Noivado
por Joseon RPG Ter Set 10, 2019 5:35 pm

» Capítulo 2 - A família real
por Joseon RPG Ter Set 10, 2019 5:19 pm

» The Heirs: Primeiras impressões
por The Crown RPG Ter Set 10, 2019 1:37 am

» Doce Setembro: O Adeus do Crown.
por The Crown RPG Ter Set 10, 2019 12:41 am

» @itswowls
por Shin Jaejin Seg Set 09, 2019 7:59 pm

» @mustlovepetz
por Kwon Soo Jin Seg Set 09, 2019 4:56 pm

» NPCs
por Joseon RPG Dom Set 08, 2019 12:17 pm

» Park Nari's Song
por Park Nari Sab Set 07, 2019 11:10 pm

» Gong Suwon's Song
por Gong Suwon Sab Set 07, 2019 9:22 pm

» Bares e Restaurantes
por The Village Sab Set 07, 2019 7:54 pm

» Park Jun Sun's Song
por Park Jun Sun Sab Set 07, 2019 5:58 pm

» DISTRIBUIÇÃO E GASTO DE XP
por Luna Minn Sab Set 07, 2019 10:04 am

Conectar-se

Esqueci minha senha

Recursos Gráficos

Parceiros

Créditos

A skin foi totalmente criada pela Ross (Ji Yeon), para uso exclusivo no Elysium Fields. A designer agradece à Persephone (Hae Shin) e à Luxi (Joo Ri) pela paciência para a aturar, a Flerex pelos códigos de cores e campos de perfil que tornaram tudo mais fácil e a FontAwesome pelos ícones. Os gráficos para imagens foram obtidas do Google e editadas pela Ross. As tramas são criações originais e de responsabilidade de seus respectivos narradores. O blog Dorama Resenhas é nosso parceiro-irmão e todo seu conteúdo é feito por suas escritoras através de uma pesquisa séria de fontes confiáveis, além da exposição de opiniões próprias. Plágio é crime. Não copie dos nossos conteúdos originais. Se for tomar inspiração, por favor mencione.
Moderação
One Piece
Starry Night
SKIE
The Crown
Joseon RPG
Sokcho's Tale
The Village
Convidados

02. Don't Mess Up My Tempo

Ir em baixo

Don’t Mess Up My Tempoum sábado desagradável
Por mais que conhecesse suas habilidades e tivesse sido recebido com sorrisos, elogios e uma pequena plateia que lhe já tinha lhe rendido pelo menos uma amizade, Son Ilgook saiu inquieto daquela audição discreta.

O que aconteceria se não fosse aceito? Sua paixão por música era o que o movia e o acalmava. Interromper isso seria como estourar uma corda de violino. Sua vida se tornaria um rangido triste do que um dia foi uma bela melodia. Mas será que tinha alguma chance de ser recusado? O clube de música era bastante exclusivo, algo percebido pela surpresa na musicista ao recebê-lo no local.  O problema não era esse e era por isso mesmo que o jovem sentiria uma pressão sobre si durante aquela semana pós-teste. Sabia que além de seu talento e habilidades, havia uma figura atuante que, infelizmente, ainda era dominante. Um homem que levava seu sobrenome e era apoiado, ainda que sutilmente, por sua mãe, a “policial boa”, com duplas atitudes. E se ela tivesse sido convencida?

Havia sido bastante rebelde ao sair de casa. Lançou uma ameaça corajosa sobre sua família, recusando aquela tentativa de firmar um acordo, mas o pai também tinha suas formas de jogar baixo. O que faria ao descobrir que ele tinha iniciado Direito na renomada faculdade, mas adentrado no clube da matéria de seu real interesse na mesma instituição?

A rusga de confiança que havia naquela família o deixaria paranoico e afetaria seu sono durante todos os dias. Ele precisou enfrentar um início difícil, por conta de uma insônia persistente que somava a chateação de seu casamento arranjado com sua entrada no clube. As preocupações ficavam sondando-o, e ele acordou em um péssimo sábado, com uma dor de cabeça herança de sua noite mal dormida e os toques em sua porta da frente.

Caso quisesse que seu colega de quarto abrisse a porta, teria uma surpresa: estava sozinho em plena manhã e tinha que lidar com o incômodo por conta própria. Tudo indicava que seu dia não seria dos melhores. Poderia ser seu pai na porta, pronto para arrebentar seus instrumentos pelo motivo que fosse?


SKIE RPG
Capa perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo D6748f0bca6c360bed14951ffa82d59c
Frase : We all lie tell you the truth
Estado Civil : Casado (a)
Idade : 24
Gif : 02. Don't Mess Up My Tempo 4e5aa53ed72a55791090bc5d5c4ece1f
Apelido : Narrador
Jogo : SKIE RPG
Mensagens : 208
Avatar perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo Gvxws3I
Cabeçalho posts : https://i.pinimg.com/564x/be/7c/a4/be7ca46be1fc07cb3f2a9533757ac145.jpg
Ver perfil do usuário
SKIE

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sforzando

Sforzando (sfz) é uma marca colocada abaixo de uma nota na partitura, denotando um aumento súbito de intensidade ao longo de uma única nota.

Ilgook pensou que, depois da audição para o clube de música, ele teria um pouco mais de paz consigo mesmo. Que, assim como quando realizamos feitos muito esperados, um grande peso sairia de suas costas e ele passaria a ter algum alívio. Mas, ao invés, ele caminhou porta afora com uma sensação ruim esgueirando-lhe sobre os ombros. Apesar de Seunghan e Seungmin parecerem ter plena certeza de sua aprovação, ele mesmo não compartilhava do sentimento. E o fato de isso não ter a ver com suas habilidades tornava tudo ainda mais frustrante! Ele sabia que era bom - muito bom, inclusive -, então por que não conseguia livrar-se da sensação de que algo iria acontecer para impedir a sua entrada?

Estava, sem sombra de dúvidas, ficando paranoico em relação a sua família. Quer dizer, talvez não fosse exatamente ruim ser cauteloso no que diz respeito a ela, ainda mais conhecendo figuras como seu tio, seu avô e seu pai, mas quando isso passa a tirar-lhe o sono - um que ele já tem toda a dificuldade do mundo para conseguir [!] -, não há como evitar o estado de alerta. É como estar preso em um lugar e sentir cheiro de fumaça. Embora tenha feito tudo da forma mais sigilosa possível, algo lhe dizia que seus pais logo iriam descobrir que ele continuava tocando seus instrumentos ali dentro. Provavelmente já tinha ficado claro naquele último encontro que o jovem Son pretendia seguir os planos dos pais a sua própria maneira, mas não era tolo de pensar que eles aceitariam aquilo sem tentar fazer algo a respeito.

Algo como impedi-lo de entrar no clube de música.

(...)

Não que estivesse tendo o sono da sua vida - longe disso, na verdade -, mas as batidas na porta soaram como estrondos infernais naquela manhã de sábado. A primeira reação do rapaz foi fingir-se de morto, esperando que seu colega de quarto acordasse para verificar do que aquela visita se tratava, mas alguns segundos e nenhuma movimentação ao redor fez Ilgook virar na cama para espiar o outro lado do cômodo, apenas para deparar-se com um lugar vazio.

As batidas continuaram e agora sobrara para si a decisão de ir atender ou deixar quem quer que estivesse lá fora plantado até se cansar e ir embora, o que sinceramente soava bastante tentador.

Porra, aquele pessoal não tinha mais o que fazer em um sábado? Dormir? Alimentar pombos na praça? Sofrer com ressaca física e moral pela festa de sexta-feira? Uma missa?

Ilgook chutou o cobertor para longe do próprio corpo e saiu da cama bufando. Não importava mais quem podia ser do outro lado da porta - uma visita ao seu colega de quarto [que não estava ali!], seu pai ou até mesmo o presidente -, não importava que estava indo receber essa pessoa de cueca samba canção e cabelos desgrenhados, só queria acabar com aquilo de uma vez e, se possível, voltar para a cama, onde as chances de finalmente cair no sono eram menos piores do que fora dela. Aliás, sua cabeça estava lhe matando e, por isso, já tinha assumido que aquele dia não podia mais piorar, não importava o que viria a seguir.

Son Ilgook
Capa perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Frase : -
Estado Civil : Enrolado
Gif : 02. Don't Mess Up My Tempo Tumblr_inline_o7hkjkm6KT1sq6fs7_100
Apelido : Jay
Jogo : -
Mensagens : 14
Avatar perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo 6chUNfj
Cabeçalho posts : https://i2.wp.com/hdwallpaper20.com/wp-content/uploads/2016/05/grey-wallpaper-miscellaneous_dark_loneliness_grey.jpg
Ver perfil do usuário
SKIE

Voltar ao Topo Ir em baixo

Don’t Mess Up My Tempoum sábado desagradável


Era improvável que fosse uma garota na porta, já que o dormitório tinha regras a respeito de pessoas do gênero oposto ao quarto subirem. Com confiança, Ilgook abriu a porta usando apenas cueca, correndo o risco de encontrar homens que tecnicamente não deveriam vê-lo sem roupas, mas o que encontrou foi um jovem de cabelo loiro em corte tigelinha que abandonou o sorriso confiante para escancarar a boca em choque.

02. Don't Mess Up My Tempo Tumblr_inline_oui6r897MI1qip0we_1280

O rapaz tiltou na porta. Seus olhos tiveram tremenda dificuldade para subir o caminho de volta para o rosto de Ilgook, que não era dos mais amigáveis naquelas circunstâncias. Para o rapaz seminu, aquele rosto não era completamente estranho, mas sua cabeça não permitia recordar-se agora.

- Ah...hahaha. Bom dia, Son-ssi. Eu me chamo  Go Hyun Sik… Sou seu colega de banheiro. Hehehe. Vizinho. Annyeong! Eu atrapalhei alguma coisa? Eu sinto muito. Deixa eu já me explicar!!

02. Don't Mess Up My Tempo Tumblr_p395hk7Bly1wcoxp8o4_r2_250

- Eu estou no 3º período de Direito e, como um bom sunbae, eu pensei que seria bem legal se você começasse as aulas muito bem ambientado. Hm?  Eu o apresentaria para a única pessoa que você realmente deveria conhecer aqui, mas, no caso, ele não mora mais nesse campus e eu fiquei com o quarto dele, inveeeja.

O tom de voz do rapaz lhe trazia algumas recordações. Risadas altas em uma festa de obrigação…

Go..

Go…

Era aquele… Quem mesmo?
- Como vai o seu pai? Meu appa mandou lembranças. Disse que seria muito bom se pudéssemos ser amigos, finalmente. Então…  Gaja?   - pendeu a cabeça para o lado e deu um sorrisinho.

Go Hyun Sik era filho de um político amigo de seu pai. Ou melhor, amigo de chaebols. Sabe-se lá o que ele negociava com as famílias chaebol daquele país, mas o fato é que bater a porta na cara dele, apesar de tentador, era um convite para confusão.

Quem sabe ele não era o tal algo a respeito que os pais arrumaram, já que nunca houve o menor interesse de se aproximarem durante festas, mas de repente tinha um garoto sorridente na sua porta, querendo sabe-se lá o quê. O dia prometia bastante.

- Ahahha. Claro, vista algo primeiro. A não ser que esteja pensando em competir no clube da natação. Pfff. - deu uma gargalhada e olhou para cima.

SKIE RPG
Capa perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo D6748f0bca6c360bed14951ffa82d59c
Frase : We all lie tell you the truth
Estado Civil : Casado (a)
Idade : 24
Gif : 02. Don't Mess Up My Tempo 4e5aa53ed72a55791090bc5d5c4ece1f
Apelido : Narrador
Jogo : SKIE RPG
Mensagens : 208
Avatar perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo Gvxws3I
Cabeçalho posts : https://i.pinimg.com/564x/be/7c/a4/be7ca46be1fc07cb3f2a9533757ac145.jpg
Ver perfil do usuário
SKIE

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sforzando
Pessoas de bom humor batendo a sua porta definitivamente não combinavam nenhum pouco com uma insônia e uma cefaleia. A reação alarmada do outro diante de sua figura não o alarmou, tampouco o fez sentir-se compelido a reagir para se cobrir. Estava em seu quarto [tentando dormir!] e sentia-se no direito de andar ali dentro como queria.

Teria considerado fechar a porta na cara do rapaz tão logo dissesse um: "Quarto errado." Se o rosto daquele visitante não tivesse cutucado sua memória, fazendo-lhe estreitar os olhos em um breve momento de ponderação - o que pode tê-lo feito parecer que estava encarando o rapaz de forma ainda mais ranzinza do que antes. De qualquer forma, a sensação que tinha agora era similar àquela de quando (re)encontrou Seunghan. E assim como ela, ali estava mais um estranho-familiar.

Ah...hahaha. Bom dia, Son-ssi. Eu me chamo  Go Hyun Sik… Sou seu colega de banheiro. Hehehe. Vizinho. Annyeong! Eu atrapalhei alguma coisa? Eu sinto muito. Deixa eu já me explicar!! — Ilgook puxou o ar com força e apoiou-se contra a porta, sentindo que a explicação já estava demorando demais para acontecer. Ele não tinha nada contra pessoas animadas [tudo bem, talvez tivesse, mas algo pequeno demais para ameaça a integridade de alguém por isso], mas a presença de agora dava-lhe uma sensação tão confortável quanto olhar fixamente para o sol. — Eu estou no 3º período de Direito e, como um bom sunbae, eu pensei que seria bem legal se você começasse as aulas muito bem ambientado. Hm?  Eu o apresentaria para a única pessoa que você realmente deveria conhecer aqui, mas, no caso, ele não mora mais nesse campus e eu fiquei com o quarto dele, inveeeja.

Alguns pedaços de sua fala entraram por um ouvido e saíram pelo outro, mas para alguém que estava sofrendo de uma dor de cabeça infernal, o Son conseguiu capturar as informações mais importantes: Go Hyun Sik. Vizinho de banheiro. Terceiro período de Direito. Queria apresentar-lhe ao lugar e àlguém que com certeza tinha mais sorte do que ele para não morar naquele campus e receber visitas indesejadas em pleno sábado.

Espera.

"Go"?

Como vai o seu pai? Meu appa mandou lembranças. Disse que seria muito bom se pudéssemos ser amigos, finalmente. Então…  Gaja? — Ha... Então era aquele Go, cuja família Ilgook encontrara em uma daquelas malditas festas sociais. — Ahahha. Claro, vista algo primeiro. A não ser que esteja pensando em competir no clube da natação. Pfff. — Conteve sua grande vontade os olhos com mais um suspiro enquanto abria a porta, gesticulando para que ele entrasse.

02. Don't Mess Up My Tempo Tumblr_inline_o32zlgsCx91t6da4c_250

... Pode esperar aqui dentro. — Ofereceu. Em ocasiões normais, ficaria hesitante de deixar alguém praticamente estranho entrar em seu quarto, mas não é como se houvesse algo comprometedor ali. Seu violino estava muito bem escondido e a maior parte de suas coisas ainda estavam na enorme mala socada dentro do guarda-roupa.— Meu pai vai bem. Não ando o vendo muito esses últimos dias. — Difícil dizer se aquilo era algo bom ou ruim. Pegou uma muda de roupa, foi em direção ao banheiro para fazer sua higiene matinal e saiu de lá decentemente vestido, mas ainda parecendo um tanto mal humorado. (Bom, ou talvez aquela fosse sua expressão normal.) Aceitar o convite para o passeio com o Go poderia soar algo bastante fora de curva ao que se esperaria dele mas, pesando os prejuízos e benefícios daquela oferta, era fácil decidir o que fazer. Já que o outro iria ficar em sua cola de qualquer maneira, aquela seria uma boa oportunidade para descobrir se tratava-se de um "espião" ou não. — Aliás, quem é a única pessoa que eu deveria conhecer aqui? — Com essa pergunta, não pôde deixar de sorrir de canto enquanto erguia uma das sobrancelhas, visivelmente curioso (e discretamente debochado).

WEARING:
02. Don't Mess Up My Tempo Cbad327cfe4b3eba07ac33d7ae20624902. Don't Mess Up My Tempo 1c5c2059f7b08c4be2e113148233c427
Son Ilgook
Capa perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Frase : -
Estado Civil : Enrolado
Gif : 02. Don't Mess Up My Tempo Tumblr_inline_o7hkjkm6KT1sq6fs7_100
Apelido : Jay
Jogo : -
Mensagens : 14
Avatar perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo 6chUNfj
Cabeçalho posts : https://i2.wp.com/hdwallpaper20.com/wp-content/uploads/2016/05/grey-wallpaper-miscellaneous_dark_loneliness_grey.jpg
Ver perfil do usuário
SKIE

Voltar ao Topo Ir em baixo

Don’t Mess Up My Tempoum sábado desagradável
Uma universidade e várias nostalgias. A música, a antiga colega, agora essa pessoa completamente estranha, mas que conhecia seu pai. O que não significava muito, exceto que ele era do clube dos riquinhos e do tipo que de fato gostava das festas sociais.

O garoto parecia um pouco alheio ao mau humor de Ilgook e pouco solidário com sua dor de cabeça. Até a cor de seu cabelo parecia ter sido feita para irritá-lo. Seria simples fechar a porta na cara daquele estranho, mas porque seu pai poderia não gostar disso ele concluía que a ideia não era muito boa.

Go Hyun Sik falava sem parar, sem ser convidado para isso e era do tipo mais irritante de pessoa sociável: o que não se toca. O menino fez um biquinho de interesse e seus olhos aumentaram um pouco quando foi convidado a entrar em seu quarto. Parecia muito… tentado. Claro que Ilgook foi um tanto indiferente a esse fato, primeiro por causa de sua dor de cabeça, segundo porque não ficaria intimidado ou envergonhado em seu próprio quarto!

Os dois entraram e Hyun Sik inflou as bochechas, segurando uma risada sabe-se lá por quê. Ele olhou a decoração em volta e o assistiu escolher as roupas por cima de seus ombros. Em seguida, sentou-se na cadeira da escrivaninha sem ser convidado e tamborilou os dedos nas pernas, enquanto Ilgook foi ao banheiro para trocar de roupa.

Enquanto estava lá (*eu mudei isso e adiantei a fala do seu personagem porque… era uma informação importante e não queria que você a perdesse por causa do que vem a seguir), o rapaz até respondeu, aguardando no quarto e falando mais alto por causa do som da água da torneira.

- Kwon Young Jae! Ele é como você. Não só porque é do Direito, mas ele também é chaebol. Ele tem até o próprio apartamento agora. Acredita? Para estar perto de tudo que importa, precisa ser aliado dele!  É do terceiro período, como eu, é influente e...E tem uma boa aparência. Hehe. Todos o adoram. 

A voz irritante do menino cessou por um momento, que permitiria que herdeiro terminasse sua higiene matinal. O silêncio era uma benção para sua cefaleia, mas talvez não nesse caso. Assim que colocou os pés de volta no quarto, o jovem músico teria uma surpresa bem mais adiantada do que sua mente desconfiada permitia. O loiro estava de costas, com o corpo todo inclinado para frente, parecendo procurar por algo de muito valor naquele quarto. Naquela posição, Ilgook sentiria um frio percorrer por seu corpo. O hyung estava perto, mas muito perto de encontrar seu amado violino.


Off: Menina, nao sei onde seu amado escondeu o violino, mas quis te assustar mesmo assim. Por favor, me diga onde é. Não vale container da Nasa!
E não, ele não encontrou, mas tá naquele fiozinho de cabelo de encontrar. E MEXENDO NAS SUAS COISAS!!! Vou rezar pelo meu npc



SKIE RPG
Capa perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo D6748f0bca6c360bed14951ffa82d59c
Frase : We all lie tell you the truth
Estado Civil : Casado (a)
Idade : 24
Gif : 02. Don't Mess Up My Tempo 4e5aa53ed72a55791090bc5d5c4ece1f
Apelido : Narrador
Jogo : SKIE RPG
Mensagens : 208
Avatar perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo Gvxws3I
Cabeçalho posts : https://i.pinimg.com/564x/be/7c/a4/be7ca46be1fc07cb3f2a9533757ac145.jpg
Ver perfil do usuário
SKIE

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sforzando
Terceiro período de Direito. Chaebol. Kwon Young Jae.

Ilgook sabia que lembraria-se daquele nome - ou, pelo menos deveria, porque é uma das figuras sobre o qual tornaria-se cauteloso no futuro, de forma que pudesse seguir com seu plano de viver discretamente ali. Ainda assim, pela sorte que vinha tendo em atrair rostos conhecidosa ideia de manter-se fora do radar parecia mais e mais difícil de ser colocada em prática. Seu reflexo no espelho encarou-o com insatisfação enquanto ele largava um suspiro exasperado, parando de repente para olhar sobre o próprio ombro, na direção do quarto. Embora o silêncio estivesse sendo uma grande benção a sua dor de cabeça, o fato da visita tagarela calar-se de repente rendeu-lhe uma dose de incômodo. Só não houve tempo de elaborar teorias, uma vez que apressou-se para sair do banheiro e, um segundo depois de passar pela porta do mesmo, congelar em seu lugar com a cena que desenrolava-se adiante.

Hul… Eu vou acabar com esse bastardo!


O Son tinha ficado confiante demais que a mala de viagem trancada que guardava o estojo de seu violino iria facilmente se misturar às outras, que possuíam tamanhos similares e, também, encontravam-se fechadas. Com exceção de uma, semi-aberta, de onde havia tirado as roupas que usava agora. Não era uma organização fixa, é claro. Uma hora ele iria ter que arrumar suas coisas e dispensar as malas da mudança, então andava formulando outros planos: o guarda-roupa de seu colega de quarto, se este fosse confiável, algum espaço dentro ou acima dos armários, ou até mesmo fora do cômodo onde dormia… Ainda era cedo demais para colocar qualquer uma dessas opções em prática, mas o que via agora fez-lhe considerar seriamente apressar sua decisão.

O sangue do mais novo ferveu e ele prontamente avançou na direção do outro, agarrando-lhe pela costa do colarinho e puxando-o para trás com toda a força no intuito de jogá-lo no chão. Caminhou até posicionar-se entre ele e o guarda-roupa, os punhos cerrados e uma postura que, ao invés de sua usual quietude associada a um rapaz de boa família [mesmo que um pouco mais ranzinza do que se esperaria de alguém assim], gritava, ao invés, “delinquente” - ameaçador, agressivo e definitivamente preparado para fazer o Go pagar com juros por tamanho ultraje. — Oe, oe, sunbae... Você perdeu algo no meio das minhas coisas? — O mau humor, a dor de cabeça e aquela surpresa desagradável… Tudo colaborava para que Ilgook soasse como se fosse explodir a qualquer momento. — Que tal escutar seu dongsaeng e manter o nariz longe do que não lhe diz respeito, hm? Porque se continuar a agir como a porra de um rato pra cima de mim, eu farei questão de esmagá-lo como se fosse um.

02. Don't Mess Up My Tempo Giphy

Sua respiração era pesada, furiosa, mas as palavra ainda o deixavam com clareza: — Parece que vamos ter que atrasar nosso passeio e conversar um pouco agora. — Não soava como um pedido, tampouco uma sugestão, ainda mais quando foi até a porta e girou a chave para trancar o quarto, antes de retirar o objeto e guardá-lo no bolso. Go Hyun Sik não iria passar por ele enquanto não dissesse algo - e mesmo que fugisse na direção do banheiro, o Son poderia pescá-lo de volta -, nem que tivesse [e isso não lhe seria nenhum desgosto] que recorrer à violência. — Então, posso saber o que estava procurando tão curiosamente aqui? Ou melhor, por quê?

WEARING:
02. Don't Mess Up My Tempo Cbad327cfe4b3eba07ac33d7ae20624902. Don't Mess Up My Tempo 1c5c2059f7b08c4be2e113148233c427
Son Ilgook
Capa perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Frase : -
Estado Civil : Enrolado
Gif : 02. Don't Mess Up My Tempo Tumblr_inline_o7hkjkm6KT1sq6fs7_100
Apelido : Jay
Jogo : -
Mensagens : 14
Avatar perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo 6chUNfj
Cabeçalho posts : https://i2.wp.com/hdwallpaper20.com/wp-content/uploads/2016/05/grey-wallpaper-miscellaneous_dark_loneliness_grey.jpg
Ver perfil do usuário
SKIE

Voltar ao Topo Ir em baixo

Don’t Mess Up My Tempoum sábado desagradável
 
No momento que a presença de Son Ilgook foi notada no recinto, Hyun Sik soltou um grito de surpresa e girou o corpo, chocando as costas contra a porta do armário. O móvel fez um som estrondoso, mas pelo menos nada havia nas mãos do rapaz. A estratégia de Ilgook parecia ter funcionado. Porém, nada mudava o fato de que o loiro teve a audácia de mexer em suas coisas.

-  Nada! Nada. Não estava fazendo nada   - desafinou, quase sem ar.  Era nítido que o chaebol tinha conseguido assustá-lo, mas mais nítido que o outro tinha culpa no cartório.

Os olhos do rapaz se encheram de medo e ele virou o rosto, tentando encolher-se contra a porta, evitando olhá-lo, agora que tinha as vestes de marca retorcidas nas mãos do proprietário do quarto. Ele era leve, alto e magricela, foi ao chão como um bolo de roupas. Gotas de suor ganharam sua face.

- N-não… S--son--ssi…  Não perdi nada, só queria conferir as marcas que usava! Só isso - gritou com a voz engasgada, e de forma nenhuma ousando encará-lo.

O mais velho hesitou como um rato, mesmo sendo alto e ter toda a pompa que seu sobrenome supostamente lhe dava. Havia subestimado o mais novo e agora pagava por isso.

- Não pode fazer isso!! Eu sou seu sunbae!    - protestou, finalmente ganhando alguma coragem e sentando-se no chão. - Por acaso tem algo a esconder? Porque se fizer alguma coisa comigo, seu appa vai ser o primeiro a ficar sabendo!

Apesar da ameaça, uma mera respiração do outro foi o suficiente para fazer o menino fechar a boca pelo que ele anunciava com muito mais firmeza: tinham uma conversa para terminar. O loiro ficou alguns segundos em silêncio com a pergunta, mas então levantou-se abruptamente e tentou fugir para seu quarto, pelo banheiro, porém, foi capturado pelo vizinho.

- CHEGA! CHEGA!   - gritou e se desvencilhou dele. - Eu..  Me pediram para ver se não tinha nada de errado com você. Está bem? O que é que você anda fazendo de tão errado que valha a pena ameaçar uma família inteira? O que é que você esconde, hã? São drogas?   - arfou, ajeitando o colarinho da roupa.


- Eu só… Eu sou uma vítima tanto quanto você! Mas se me machucar, eu juro que sua vida aqui dentro será um inferno, não importa que lá fora o seu pai é importante. Aqui não vai ser assim!



SKIE RPG
Capa perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo D6748f0bca6c360bed14951ffa82d59c
Frase : We all lie tell you the truth
Estado Civil : Casado (a)
Idade : 24
Gif : 02. Don't Mess Up My Tempo 4e5aa53ed72a55791090bc5d5c4ece1f
Apelido : Narrador
Jogo : SKIE RPG
Mensagens : 208
Avatar perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo Gvxws3I
Cabeçalho posts : https://i.pinimg.com/564x/be/7c/a4/be7ca46be1fc07cb3f2a9533757ac145.jpg
Ver perfil do usuário
SKIE

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sforzando
N-não… S--son--ssi…  Não perdi nada, só queria conferir as marcas que usava! Só isso. — Cuspiu um riso desacreditado enquanto cruzava os braços porque, honestamente, mesmo que uma explicação tão absurda fosse verdadeira, quem, diabos, iria mexer nas coisas de alguém para sanar sua dúvida, ao invés de perguntar ou simplesmente atentar para as roupas que o outro usaria? Não importava se ele era filho de um Zé Ninguém ou do Presidente, pessoas mal educadas são sempre desagradáveis de se ter por perto, e a cada segundo que passava, sua concepção a respeito daquele sunbae conseguia se afundar mais e mais. — Não pode fazer isso!! Eu sou seu sunbae! (...) Por acaso tem algo a esconder? Porque se fizer alguma coisa comigo, seu appa vai ser o primeiro a ficar sabendo! — Sorrindo ladino, balançou a cabeça com toda a satisfação enquanto o escutava, como se dissesse: “Finalmente esse está mostrando sua verdadeira face...”

E, para sua frustração, ela não era muito diferente do que o Son estava acostumado a ver em pessoas de posição como a dele(s). O nome da família sempre entrava na conversa como força de ameaça e sedução, como se não fosse /vergonhoso/ ter que recorrer a esse meio para resolver seus conflitos e ter aprovação. Dessa vez, o mais novo suspirou alto. — Sunbae… — O tratamento era trazido quase que entredentes. — Não tente justificar o seu erro dessa forma. Apenas assuma a responsabilidade e lide com as consequências, hm? Um crime doloso ou culposo ainda é um crime.

Quando Hyun Sik tentou fugir, pela mesma via que Ilgook tinha previsto que ele o faria, não tardou a ser capturado de volta, mas dessa vez, antes mesmo de soltá-lo, ele já reagiu com afoiteza para se livrar do aperto do Son. Àquele ponto, já parecia perturbado, como um rato cujo rabo tinha sido pego em uma armadilha e, sem conseguir se livrar dela, restava-lhe esperar seu infeliz destino quando o dono da casa o visse. — Eu..  Me pediram para ver se não tinha nada de errado com você. Está bem? O que é que você anda fazendo de tão errado que valha a pena ameaçar uma família inteira? O que é que você esconde, hã? São drogas?

Mwo? Drogas? — Riu brevemente. — A especialidade dos negócios da minha família são químicos. Não me admiraria se eles pagassem um investigador particular só para coletar amostras do meu DNA para fazer exames toxicológicos sem que eu soubesse. — Revirou os olhos, antes de deixar o corpo cair na cama, ficando sentado, assim como o mais velho organizava-se no chão. — O que eu ando fazendo... Não é da sua conta. Ou, não deveria ser, se não estivessem pedindo-lhe esses tipos de favores, não é? Para estar assumindo que eu fiz o que fiz para proteger algum grande segredo controverso, essa sua fonte não deve ter contado-lhe direito sobre mim. Tenho certeza de que, se fosse avisado do meu péssimo temperamento de antemão, você teria pensado duas vezes antes de aparecer aqui hoje.

 Eu só… Eu sou uma vítima tanto quanto você! Mas se me machucar, eu juro que sua vida aqui dentro será um inferno, não importa que lá fora o seu pai é importante. Aqui não vai ser assim!

Oh... Finalmente algo em que concordamos, então, sunbae. Você acabou de expressar muito bem o que eu estava pensando… Não importa que lá fora o seu pai é importante. Se continuar fazendo algo assim, não importa a mando de quem, deve estar preparado para o que vier depois... E eu, Go Hyun Sik, sou bastante rancoroso. — A seriedade presente em suas palavras falava por si só.


WEARING:
02. Don't Mess Up My Tempo Cbad327cfe4b3eba07ac33d7ae20624902. Don't Mess Up My Tempo 1c5c2059f7b08c4be2e113148233c427
Son Ilgook
Capa perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Frase : -
Estado Civil : Enrolado
Gif : 02. Don't Mess Up My Tempo Tumblr_inline_o7hkjkm6KT1sq6fs7_100
Apelido : Jay
Jogo : -
Mensagens : 14
Avatar perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo 6chUNfj
Cabeçalho posts : https://i2.wp.com/hdwallpaper20.com/wp-content/uploads/2016/05/grey-wallpaper-miscellaneous_dark_loneliness_grey.jpg
Ver perfil do usuário
SKIE

Voltar ao Topo Ir em baixo

Don’t Mess Up My Tempoum sábado desagradável
 Son Ilgook tinha encurralado um rato mexendo em suas coisas. Inexperiente, foi pego em sua primeira tentativa e agora estava evidentemente apavorado diante do olhar feroz do mais novo.

Não precisava usar status para retrucar, nem mesmo era mais velho. Conseguia impor respeito apenas sendo ele mesmo, a figura que conseguia assustar até mesmo seus pais. Mais do que isso: usava o Direito contra o garoto que supostamente era mais experiente, isso doeu no olhar no loiro, que já tinha o contorno da face avermelhado a essa altura. Com o rabo preso na ratoeira, Hyun Sik tentou argumentar, com a voz desafinando, procurando desesperadamente por alguma falha para jogar contra o rapaz. Por mais infrutífero que fosse, Ilgook começava a coletar pistas.

-  Então… É alguma coisa pior...   - parecia falar consigo mesmo, tentando concluir o que de tão ruim o outro podia ter feito.

Estalou a língua com raiva quando Ilgook terminou de tirar sarro dele, falando sobre seu comportamento. Parecia refletir e relembrar o momento no qual tinha recebido instruções e isso o fez explodir, começando a justificar-se. O semblante do músico tornou-se ainda mais sombrio, e Hyun Sik engoliu em seco, olhando de forma perdida.

02. Don't Mess Up My Tempo 98dd1b8f9e2870288444610c5165512e

- Está bem. Você tem razão. Mas não ache que eu tenho interesse nas suas cuecas sujas. Eu tenho dignidade! O pedido veio da sua família. Queriam que eu ficasse de olho em você e… Obviamente eu nunca fiz uma coisa dessas e… entrei em pânico. Eu não sei o que foi que você fez para que não simplesmente fizessem um exame toxicológico, mas…  Foi o bastante para meu aboji me ameaçar se eu não trouxesse nada de interessante. Aparentemente você é tão louco quanto ele. Supostamente eu só devia te apresentar ao clube secreto dos influentes do Direito. Sabia que não ia dar certo pular no seu armário...  - bufou, derrotado.  - Mas eu queria acabar logo com isso. Não queria que meu ano aqui se tornasse novamente um grande jantar de chaebols...



SKIE RPG
Capa perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo D6748f0bca6c360bed14951ffa82d59c
Frase : We all lie tell you the truth
Estado Civil : Casado (a)
Idade : 24
Gif : 02. Don't Mess Up My Tempo 4e5aa53ed72a55791090bc5d5c4ece1f
Apelido : Narrador
Jogo : SKIE RPG
Mensagens : 208
Avatar perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo Gvxws3I
Cabeçalho posts : https://i.pinimg.com/564x/be/7c/a4/be7ca46be1fc07cb3f2a9533757ac145.jpg
Ver perfil do usuário
SKIE

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sforzando
Não sabia se sua crescente frustração com relação ao outro era devido ao acontecimento inesperado, a personalidade irritante ou aquela maldita dor de cabeça. Provavelmente os três. Tinha acabado de dizer-lhe que não havia como achar drogas em suas coisas, e a conclusão era de que seria algo pior? Cuspiu um riso amargo antes de levar uma das mãos ao rosto, os dedos do instrumentista massageando as pálpebras fechadas, como quem tenta livrar-se de alguma sensação ou pensamento. — Eu deveria me sentir lisonjeado com essa sua imaginação de que eu estou guardando algo pior? — Tornou a encará-lo, arqueando as sobrancelhas com petulância [e uma faísca de diversão e curiosidade].

Está bem. Você tem razão. Mas não ache que eu tenho interesse nas suas cuecas sujas. Eu tenho dignidade! O pedido veio da sua família. Queriam que eu ficasse de olho em você e… Obviamente eu nunca fiz uma coisa dessas e… entrei em pânico. — Desde a menção de sua família, a postura de Ilgook na cama imediatamente mudou, tornando-se mais ereta, o olhar definitivamente interessado no que o mais velho tinha a dizer. Sabia que eles estavam envolvidos nisso… Deuses. Aquela sensação de falsa liberdade e privacidade que o perseguia vinha lhe dando nos nervos há tempos, porque sabia que seus pais não iriam dar-se por satisfeitos apenas com a entrada dele naquela universidade. Não depois da “conversa” que tiveram sobre andar na linha.

Eu não sei o que foi que você fez para que não simplesmente fizessem um exame toxicológico, mas…  Foi o bastante para meu aboji me ameaçar se eu não trouxesse nada de interessante. Aparentemente você é tão louco quanto ele. Supostamente eu só devia te apresentar ao clube secreto dos influentes do Direito. Sabia que não ia dar certo pular no seu armário...  — Deu de ombros com certo entretenimento quando o ouviu bufar. E… "Clube secreto dos influentes de Direito"? Argh. Até beber ácido soava mais tentador do que participar disso. — Mas eu queria acabar logo com isso. Não queria que meu ano aqui se tornasse novamente um grande jantar de chaebols…

Não sei… Até ainda pouco você me parecia ser exatamente o tipo que adoraria esse final. — Revirou os olhos, visivelmente desacreditado frente aquela desculpa. — E, está certo, eu sou tão louco quanto eles. Nunca ouviu falar que, para vencer um monstro, é preciso se tornar um também? Acredite se quiser, eu só quero ter uma vida pacífica aqui dentro. Por isso… Tenho uma proposta para você, sunbae. —  Abriu um sorriso misterioso. — Você disse que precisa levar algo interessante para o seu pai, não é? Pois então, é o que deveria fazer. Eu posso ajudá-lo com isso. Se quiser, diga até que eu não resisti aos seus charmes de sunbae e que nos tornamos amigos. Aposto que ouvir algo assim agradaria tanto a ele quanto a minha família. Além do mais, é algo apenas natural de acontecer, já que somos vizinhos. — Deixou a cabeça pender para o lado, quase inofensivo. — Não estou dizendo para ser leal a mim de qualquer forma, mas sim a este acordo, caso aceite. Afinal, se você der o que eles querem, nós dois saímos ganhando. Você deixa de fazer o trabalho sujo que querem que você faça enquanto mostra o melhor lado de si, e eu ganho menos um espião na minha vida.

Suspirou.

Deve ser sufocante passar por isso. Eu sei bem porque, como pode ver, não tenho exatamente uma atitude de herdeiro ideal. — Dessa vez, até riu um pouco.— Mas deixe-me lhe dizer, Go Hyun Sik. Essas obrigações nunca vão de fato terminar. Vão continuar dizendo-lhe o que fazer, com quem deve ou não falar e como se comportar… E por isso que estou dando-lhe uma escolha de virar a mesa agora. Mesmo que não seja comigo, o conselho permanece. Porque se você não tomar o controle da sua vida em algum momento, tudo vai sempre acabar se tornando um grande jantar de chaebols. — Cruzou os braços sobre o peito. O sorriso de antes já havia esvaído-se em um semblante carrancudo, mas autêntico. — Bom, mas talvez você seja alguém que não se importa de passar por tudo isso, contanto que tenha uma boa vida, não é, sunbae? — A pergunta soou mais como um desafio do que uma ponderação.

WEARING:
02. Don't Mess Up My Tempo Cbad327cfe4b3eba07ac33d7ae20624902. Don't Mess Up My Tempo 1c5c2059f7b08c4be2e113148233c427
Son Ilgook
Capa perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo 6694f9ca732f63d3489e9821ebeacd2d
Frase : -
Estado Civil : Enrolado
Gif : 02. Don't Mess Up My Tempo Tumblr_inline_o7hkjkm6KT1sq6fs7_100
Apelido : Jay
Jogo : -
Mensagens : 14
Avatar perfil : 02. Don't Mess Up My Tempo 6chUNfj
Cabeçalho posts : https://i2.wp.com/hdwallpaper20.com/wp-content/uploads/2016/05/grey-wallpaper-miscellaneous_dark_loneliness_grey.jpg
Ver perfil do usuário
SKIE

Voltar ao Topo Ir em baixo

02. Don't Mess Up My Tempo Grey-wallpaper-miscellaneous_dark_loneliness_grey
Conteúdo patrocinado
Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum